Coluna Gustavo Almeida Política Dinâmica
NOTA DA DEPUTADA MARGARETE COELHO

DEPUTADA ENVIOU ESCLARECIMENTO SOBRE TEXTO PUBLICADO NO PD, ONDE ALEGA QUE UMA OPINIÃO DO COLUNISTA FOI INTERPRETADA COMO SENDO DELA

07/06/2019 18:53 - Atualizado em 07/06/2019 19:14

A deputada federal Margarete Coelho, do PP (Foto: Jailson Soares/PoliticaDinamica.com)

Na quinta-feira (6), a deputada federal Margarete Coelho (Progressistas) concedeu entrevista à rádio Serra da Capivara, de São Raimundo Nonato. Ao falar da reforma da Previdência, ela se mostrou favorável à Medida Provisória que retirou os sindicatos do processo de aposentadoria dos trabalhadores rurais. A parlamentar chegou a dizer que existem presidentes de sindicatos rurais que usam as instituições para aposentar que não precisa.

"Você não pode tirar direitos do trabalhador rural. O que você tem que fazer? É dar transparência na forma de aposentadoria do trabalhador rural. Porque às vezes tem presidente de sindicato que usa isso também. Às vezes um que tem direito não ganha e outro que não tem ganha. É preciso dar mais transparência. Que o sindicato tenha outras obrigações, mas não ser o guardião da contribuição, da chave da aposentadoria", falou.

O Política Dinâmica repercutiu a fala da deputada e publicou texto intitulado "Maracutaia nos sindicatos". Dentro da publicação, o último parágrafo, com o título "Nota do colunista", discorreu sobre o assunto, afirmando que a fala de Margarete talvez tenha causado decepção em alguns dirigentes sindicais da grande região de São Raimundo, já que se ouve relatos sobre presidentes de sindicatos que fazem "maracutaias" nos processos de aposentadoria.

O parágrafo "nota do colunista", CLARAMENTE, trata-se de um comentário do colunista acerca da fala de Margarete, que mencionou, em sua entrevista na rádio, a existência de presidentes de sindicatos que usam o cargo para cometer fraudes. No entanto, nesta sexta-feira (7), a assessoria da deputada federal enviou uma nota para a Coluna, já que, de acordo com a assessoria, o trecho "nota do colunista" foi confundido como sendo a opinião da parlamentar.

CONFIRA, NA ÍNTEGRA, A JUSTIFICATIVA E A NOTA ENVIADA PELA ASSESSORIA

Gustavo, boa tarde. A deputada Margarete solicita um espaço na sua coluna para esclarecer a matéria "Maracutaia nos Sindicatos" onde você dá sua opinião, mas foi confundida como sendo a opinião dela. Por isso, queríamos esclarecer através de nota para que não haja mal entendidos!

Sobre a nota intitulada “Maracutaia nos Sindicatos” publicada na coluna Gustavo Almeida, a deputada Margarete Coelho esclarece que:

1) Em entrevista, no último dia 06, na rádio Serra da Capivara, a parlamentar ressaltou em relação à Reforma da Previdência que é totalmente contra a retirada de direitos dos trabalhadores rurais e que defende que a concessão de aposentadoria seja feita da forma mais transparente possível.

2) A deputada falou da recente aprovação da Medida Provisória que muda as regras para concessão e permite pente fino em benefícios da aposentadoria rural. Com a mudança, será necessária autodeclaração de no mínimo 15 anos de trabalho e certificada por órgãos públicos trazendo mais segurança para os trabalhadores. A parlamentar destacou, ainda, a importância dos sindicatos e a relevância de suas atuações que vão para além da questão de serem os guardiões da contribuição.

3) A opinião da coluna no que se refere a possíveis “maracutaias sindicais” realizadas por presidentes de sindicatos da região não reflete a opinião da parlamentar, que em nenhum momento da entrevista pronunciou a expressão utilizada pelo colunista ou qualquer outra que lhe seja similar.

Comentários (0)

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Nome:
mensagem:
Notícias relacionadas
“NÃO ME ASSOCIO A QUADRILHAS”
“NÃO ME ASSOCIO A QUADRILHAS”
BANDIDAGEM E PISTOLAGEM
BANDIDAGEM E PISTOLAGEM
CIRO COMPARTILHA POSTAGEM DE BOLSONARO
CIRO COMPARTILHA POSTAGEM DE BOLSONARO
NÃO SE GANHA PERDENDO
NÃO SE GANHA PERDENDO