Coluna Gustavo Almeida Política Dinâmica
REAÇÃO
INCENTIVO À GRILAGEM DE TERRAS

DEPOIS DE VER PROJETO DE INTERESSE DO PALÁCIO DE KARNAK SER DERROTADO NA CCJ DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA, LÍDER DO GOVERNO REAGE

06/06/2018 17:57 - Atualizado em 06/06/2018 18:29

Limma critica rejeição de projeto na CCJ da Assembleia (Foto: Divulgação/Assessoria)

Após a rejeição na Assembleia do projeto que autorizava o Governo do Estado a vender 600 mil hectares de terra na região Sul do Piauí, o deputado Francisco Limma (PT) disse que a oposição pode estar incentivando a grilagem de terras no Piauí. Isso porque a proposta do Governo daria segurança jurídica para a posse das terras. 

O projeto pedia autorização para alienação de terras em 15 municípios, incluindo Corrente, Canto do Buriti, Santa Filomena e Floriano. Ainda de acordo com o deputado Francisco Limma, que é líder do governo na Alepi, em 2015 foi aprovada uma lei estadual que favorece a alienação de terras de forma legal.

Comentários (0)

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Nome:
mensagem:
Notícias relacionadas
NA ASSEMBLEIA
PROFESSORES E MEMBROS DA IMPRENSA AGREDIDOS
PROFESSORES E MEMBROS DA IMPRENSA AGREDIDOS
PROTESTO
GEORGIANO NETO É HOSTILIZADO POR PROFESSORES
GEORGIANO NETO É HOSTILIZADO POR PROFESSORES
REVOLTA
THEMÍSTOCLES É CERCADO E HOSTILIZADO NA ALEPI
THEMÍSTOCLES É CERCADO E HOSTILIZADO NA ALEPI
PROFESSORES
REVOLTA, TUMULTO E CONFUSÃO NA ASSEMBLEIA
REVOLTA, TUMULTO E CONFUSÃO NA ASSEMBLEIA