Coluna Política
  • segunda, 21 de dezembro de 2020, às 12:46h

    A Polícia Militar do Piauí sofreu um corte em seu orçamento para 2021. A faca que o governador Wellington Dias (PT) passou na segurança ostensiva do Piauí vai financiar, dentre outras coisas, mais propaganda institucional, aumento de comissionados da Secretaria de Governo e obras na Secretaria de Cidades, comandada pelo PL, partido do deputado federal Fábio Abreu e do deputado estadual Carlos Augusto.Parte dos recursos retirados da PMPI vão bancar a máquina de propaganda de Wellington via CCom; o jornalista Allisson Bacelar vai comandar as licitações de comunicação no início de 2021 (foto: Facebook)

    A PMPI vai perder em 2021 mais de R$ 47,4 milhões de reais. É uma queda de 7,50% e que devolve o orçamento da Polícia Militar do estado para o mesmo patamar do estabelecido no ano de 2018. Mas isso não parece ser um problema para o governador. Afinal, vale lembrar que o Orçamento Geral do Estado vai subir 1,69% ano que vem e, por exemplo a Coordenadoria de Comunicação terá 11,27% a mais para financiar propaganda de Wellington Dias.

    PMPI terá corte de orçamento, mas nem Fábio Abreu nem Carlos Augusto reclamaram da situação (foto: Marcos Melo | PoliticaIDnamica.com)

    A Secretaria de Governo – onde Wellington Dias centraliza boa parte dos funcionários fantasmas de sua gestão – vai crescer R$ 11 milhões de reais em orçamento. A própria Governadoria, que cuida do gabinete do governador e banca os gastos de Wellington vai subir 31,73% em recursos.

    CONCURSO OU OBRAS?

    Na última semana o deputado federal Fábio Abreu (PL) e o deputado estadual Carlos Augusto estiveram ao lado do governador Wellington Dias (PT) no anúncio do concurso para 690 novos policiais militares. Não falaram sobre o corte de recursos da PMPI, embora o capitão já tenha sido secretário de Segurança e o coronel tenha sido comandante-geral da PM. Talvez o caso de Carlos Augusto seja mais grave, pois sendo deputado estadual, ele aprovou o corte de recursos para a PMPI. 

    Secretaria comandada pelo partido de Carlos Augusto e Fábio Abreu é investigada por superfaturamento, lavagem de dinheiro e financiamento de compra de voto (foto: Jailson Soares | PoliticaDinamica.com)

    Curiosamente, a Secretaria de Cidades, comandada pelo PL, sigla à qual os dois são filiados, terá um aumento de orçamento de 67,24%, o que significa um volume de R$ 138,3 milhões de reais a mais para torrar em 2021. A Secretaria das Cidades, sob o comando do partido há 6 anos, tem sido investigada nesse período por ilegalidades que vão desde o superfaturamento de obras até lavagem de dinheiro para compra de votos.

    A MÁGICA DE FAZER MAIS COM MENOS

    Durante o anúncio do concurso, o secretário de Fazenda Rafael Fonteles revelou que “o desejo era um número maior [de vagas], mas a realidade fiscal tem que prevalecer”. Originalmente, o número seria de 1.000 vagas, mas “para não darmos um passo maior do que a perna”, justificou Fonteles, o número teve que ser reduzido. Provavelmente não precisasse, se Wellington não tivesse passado a perna no orçamento da PM, que, repetindo, vai cair mais de R$ 47,4 milhões de reais em 2021.

    Rafael Fonteles: número de vagas em concurso da PMPI seria maior se não houvesse o corte no orçamento (foto: reprodução Youtube)

    Ainda assim, as 690 novas vagas são um número expressivo, o que nos leva a outra pergunta: se dá para contratar esse pessoal todo com um orçamento menor, por qual motivo neste ano de 2020, com orçamento maior, isso não foi possível?

    O Comando-Geral da Polícia Militar não quis comentar o corte no orçamento.

    O espaço está aberto para que os citados se manifestem. 

    • R&G Feet
  • domingo, 20 de dezembro de 2020, às 14:43h

    O prefeito Firmino Filho entrega, nesta segunda-feira (21), a Medalha Conselheiro Saraiva para mais de 30 personalidades e instituições que atuaram no combate à Covid-19 em Teresina. Tradicionalmente, o evento acontece dentro da programação do aniversário da cidade, em agosto. Mas, devido à pandemia do novo coronavírus, a solenidade foi adiada e acontecerá de forma virtual e presencial, a partir das 20h, no auditório Dom Avelar Brandão Vilela.

    Seguindo o protocolo de combate ao novo coronavírus, cada agraciado deve levar apenas um acompanhante para a solenidade presencial. Os demais poderão acompanhar de forma on-line através do YouTube da Prefeitura de Teresina.

    “Vamos agradecer a essas pessoas e instituições que se destacaram na prestação de serviços em nossa cidade neste ano tão difícil. A entrega da medalha é uma forma de reconhecer o trabalho de quem se dedicou para salvar vidas em meio à pandemia de Covid-19”, comenta o prefeito Firmino Filho.

    A escolha das personalidades e instituições é feita por um conselho consultivo, que conta com a presença do prefeito Firmino Filho, de representantes da Academia Piauiense de Letras, do Instituto Histórico Geográfico Piauiense e da Associação Comercial Piauiense, além dos secretários municipais de Governo e Educação.

    A Medalha do Mérito Conselheiro José Antônio Saraiva foi instituída pelo Decreto nº 684, de 16 de agosto de 1985. Pelo Decreto, as personalidades e instituições agraciadas são subdivididas em graus. São eles: Grau Grande Oficial – Ouro, Grau Oficial – Prata, Grau Cavalheiro – Bronze.

    Confira aqui a lista de agraciados com a Medalha Conselheiro Saraiva.

    Fonte: Ascom PMT

    • R&G Feet
  • domingo, 20 de dezembro de 2020, às 10:36h

    Basta ficar atento às manchetes das últimas semanas nos veículos mais chegados ao governo do PT. A promoção pessoal dos petistas Wellington Dias e Rafael Fonteles (secretário de Fazenda e virtual candidato à sucessão) disparou. E 2021 promete muito mais, segundo a Leia Orçamentária Anual aprovada pela Assembleia Legislativa para o ano que vem.

    Apesar de 2020 terminar com uma inflação menor que 4,5%, o orçamento da Coordenadoria de Comunicação de Wellington Dias vai aumentar de R$ 32,5 milhões de reais para R$ 36,1 milhões de reais. É um pulo de 11,27% para a pasta comandada pelo jornalista Allisson Bacelar, cota pessoal de Wellington. O reajuste -- dizem os bastidores -- será repassado aos veículos que tiveram valor de parceria com o governo reduzido por Bacelar nos últimos 2 anos, depois da saída do ex-coordenador João Rodrigues. 

    Menos segurança e menos inclusão: Wellington cortou orçamento da PM e da SEID para turbinar Comunicação e SEGOV (foto: Jailson Soares | PoliticaDinamica.com)

    DISTORÇÕES

    O aumento não se justifica na realidade fiscal do Piauí. De 2020 para 2021, a receita total do Estado vai crescer apenas R$ 1,69%, por força, inclusive, de precatórios e empréstimos. Mas a comunicação vai crescer 11,27%. Vale lembrar que no início do ano já acontecem as licitações da pasta, como o Política Dinâmica já adiantou.

    Agora pense: se uma pasta vai aumentar além de média, esse dinheiro vai ter que ser retirado de outro lugar, né?

    E olha que a Comunicação não é a única distorção. Nem a maior delas. A própria Governadoria -- que cuida dos gastos pessoais do governador dentre outras coisas -- vai estourar de dinheiro. Oficialmente, foram planejados para 2020 gastos de R$ 80,9 milhões de reais. Para 2021 serão R$ 106,7 milhões de reais. É um salto de 31,73% em relação ao ano anterior. Um estratosférico voo de 1.877% (mil oitocentos e setenta e sete por cento) em relação aos 1,69% de crescimento Orçamento Geral, já citado antes.

    O deputado Limma do PT (ao centro) foi p relator do Orçamento, que passou na Alepi a toque de caixa (Foto: Jailson Soares | PoliticaDinamica.com)

    Para se ter uma ideia, os demais poderes -- Judiciário, Legislativo, Ministério Público e Tribunal de Contas -- vão receber reajuste linear de 3,5%.

    Aliás, boa parte do reajuste de 31,73% da Governadoria vai para a Secretaria de Governo, ligada ao Gabinete do Governador. Lá onde os fantasmas e aspones são contados às centenas e possuem nomes e sobrenomes conhecidos de Norte a Sul do Piauí, os gastos vão aumentar em mais de R$ 11,2 milhões de reais.

    FALTA PRIORIDADE

    Só para se ter um exemplo do que é prioridade para o governador Wellington Dias, o orçamento da Secretaria Estadual Para a Inclusão da Pessoa com Deficiência (SEID) vai sofrer um corte de 21,68%, caindo de R$ 6,3 milhões de reais neste ano de 2020 para R$ 4,9 milhões de reais em 2021. 

    E olha que o governador sabe o que é precisar desse serviço dentro de casa. Felizmente, ele pode bancar tratamento particular.

    Outros órgãos como Corpo de Bombeiros, Secretaria de Cultura e Polícia Militar também sofreram cortes.

    • R&G Feet
  • sábado, 19 de dezembro de 2020, às 15:06h

    Desde o último dia 23 de novembro, o novo ambulatório criado pela Prefeitura de Teresina para atender pessoas que ficaram com sequelas da Covid-19 iniciou atendimento à população. O serviço passa a funciona em dias úteis, nos turnos manhã e tarde, no Centro de Saúde Lineu Araújo. Há oferta de consultas e exames nas áreas de cardiologia, nefrologia, neurologia, pneumologia, fisioterapia, nutrição e psicologia, consideradas especialidades que contribuem para a completa recuperação do indivíduo.


    Para receber atendimento no ambulatório, os pacientes que ficaram com sequelas após infecção por Covid-19 podem se dirigir às 68 Unidades Básicas de Saúde (UBS). Eles são avaliados por médicos nesses locais e, se houver necessidade, são encaminhados para o ambulatório. Já os pacientes com Covid-19 que estão internados nos Hospitais da Prefeitura, no momento da alta, podem também ser direcionados ao Centro de Saúde Lineu Araújo.


    Segundo a médica pneumologista do Centro de Operações em Emergências (COE) da FMS, Tatiana Nunes, o ambulatório promove melhor qualidade de vida para quem sofre com as sequelas da Covid-19. “Tem pessoas que tiveram Covid-19 e os sintomas persistem mesmo após o término dos 10 dias de isolamento. O acompanhamento da saúde dessas pessoas é necessário e agora o município está viabilizando o atendimento sequencial desses indivíduos”, explica.


    O médico infectologista e coordenador médico do COE da FMS, Walfrido Salmito, alerta que a Covid-19 pode trazer sequelas a curto, médio e longo prazos. “A Covid-19 é uma doença nova, que ainda é alvo de estudos científicos pelo mundo, mas sabe-se que a lista de sequelas dessa infecção é extensa e pode comprometer o funcionamento de diversos órgãos. Os pacientes podem, por exemplo, desenvolver pneumonia, ter disfunção renal, além de problemas neurológicos, cardíacos e pulmonares”, informa.

    Fonte: PMT

    • R&G Feet
  • sábado, 19 de dezembro de 2020, às 12:23h

    "Ô partidozinho complicado!", exclamou um futuro integrante da gestão do prefeito eleito Dr. Pessoa (MDB). Para também não complicar sua própria vida, a fonte pediu que seu nome não fosse publicado. Oficialmente, apenas o próprio prefeito, seu vice, Robert Rios (PSB), e João Henrique (o "primeiro ministro") falam sobre o futuro governo.

    Dr. Pessoa acertou com o PT a participação da sigla em sua gestão: o comando da Fundação Wall Ferraz (foto: divulgação)

    A fonte falou ao Política Dinâmica sobre o acerto de Dr. Pessoa com o Partido dos Trabalhadores. O PT vai indicar Maicon Silva para ocupar a Fundação Wall Ferraz. Ele é chefe de gabinete do vereador Dudu (PT) na Câmara. "É uma composição que não estabelece compromisso entre as partes. Por culpa dos petistas", avalia.

    O entendimento correto seria, na visão desta pessoa, um vereador assumir cargo na gestão. Isso faria Décio Solano assumir mandato na Câmara Municipal. Por tabela, seu irmão, Merlong Solano se aproximaria também da gestão "e estaríamos construindo mais uma ponte com o Governo, onde o deputado tem muita influência". É como se fosse um "efeito dominó" de compromisso, pro bem ou pro mal.

    "Mas botar uma pessoa do Dudu? Isso gera que compromisso? Pra tirar no primeiro problema, é daqui prali! É diferente de você mexer num canto e isso repercutir em outro e em outro e em mais outro... a gente pensa duas vezes antes de fazer", comenta a fonte.

    A fonte ainda diz que do lado de Dr. Pessoa estava tudo bem encaminhado e que a complicação existe dentro do próprio PT. "Vou repetir: complicadinho esse povo. É confusão entre eles. Os espaços iriam aumentando naturalmente. Mas faltou diálogo e humildade entre eles mesmos. E desse jeito não vão durar com a gente", avaliou a fonte.

    Parece que o deputado estadual Fábio Novo é quem estava certo. Essa relação daria mais certo com o PT fora da Prefeitura.

    • R&G Feet
  • sexta, 18 de dezembro de 2020, às 14:41h

    O painel epidemiológico da Fundação Municipal de Saúde (FMS) notificou ontem (17) duas mortes por Covid-19, além de 258 novos casos. Até então, a capital totaliza 46.975 pacientes que já foram infectados pelo novo coronavírus, dos quais 1.191 vieram a óbito.

    Um dos óbitos ocorreu ontem (17), com uma mulher de 85 anos, moradora do bairro Parque Brasil (zona Norte). Ela era portadora de comorbidades como hipertensão e diabetes. A outra paciente, também do sexo feminino, faleceu na quarta-feira (16). Ela tinha 92 anos, era cardiopata e sofria de asma. Morava no bairro Memorare, também na zona Norte.

    A FMS informa ainda que 17.109 pessoas já se recuperaram da Covid-19. A coordenadora do Centro de Operações em Emergência (COE) da FMS, Wesllany Santana, ressalta que, além das altas hospitalares, integram o grupo dos recuperados aquelas pessoas com Covid-19 que estavam com quadro leve da doença e fizeram o tratamento em casa. “Após cumprimento de 14 dias de isolamento, essas pessoas tiveram melhora do quadro clínico de saúde”, afirma, informando que o número de recuperados na cidade é ainda maior e está sendo atualizado diariamente no sistema.

    Os profissionais do COE alertam a população para que mantenha os cuidados preventivos quanto à Covid-19, com distanciamento social, uso de máscara e lavagem constante das mãos. “Lembramos que a pandemia ainda não acabou. As pessoas devem evitar locais aglomerados. Demorem o menor tempo possível em locais que tenham muitas pessoas. Usem máscara e pratiquem o distanciamento social”, enfatiza Amparo Salmito, médica infectologista e membro do COE.

    Fonte: Ascom PMT

    • R&G Feet
  • sexta, 18 de dezembro de 2020, às 13:01h

    A atual gestão da Ordem dos Advogados do Brasil - Seccional Piauí retirou de pauta a elaboração das listas sêxtuplas de advogados relativas ao Quinto Constitucional em Tribunais no Piauí. A sessão ordinária do Conselho Pleno da OAB-PI aconteceu ontem, quinta-feira (17).

    Adiou, mas não desistiu: Celso quer apenas nomes ligados a seu grupo e de Chico Lucas nas listas sêxtuplas (foto: Jailson Soares | Politica Dinâmica)

    A relatora da resolução 04/2020 é a advogada Élida Franklin, braço direito do presidente Celso Barros Coelho Neto. O tema era tratado silenciosamente nos bastidores da Ordem até virar notícia no Política Dinâmica. E a advocacia piauiense de modo geral não gostou.

    Hoje a construção das listas passa por votação geral dos advogados depois que a vaga é aberta. Celso Barros trabalha para antecipar a escolha e retirar dos advogados o voto geral. Assim, a lista seria elaborada apenas pelo Conselho Seccional, hoje comandado em maioria pelo grupo de Celso Neto e Chico Lucas, ambos procuradores do Governo do Estado do Piauí.

    A intenção é selecionar 6 nomes ligados ao grupo para as vagas que serão abertas em 2021 no Tribunal Regional do Trabalho (em maio) e no Tribunal de Justiça do Piauí (em novembro). A antecipação também se faz necessária para que Celso não perca a condução do processo após uma possível derrota de seu grupo e de Chico Lucas nas eleições da OAB-PI, que também acontecem em novembro de 2021.

    Para evitar mais repercussão negativa, Celso foi orientado a pedir que Élida não comparecesse à sessão do Pleno. As atenções políticas de Celso e seu grupo estão voltadas para a confirmação de seu indicado Aurélio Lobão para ocupar a Procuradoria-Geral do Município de Teresina, e manchetes negativas poderiam atrapalhar os planos.

    Dr. Pessoa (MDB) deve anunciar o nome na segunda-feira, 21.

    • R&G Feet
  • sexta, 18 de dezembro de 2020, às 11:29h

    É um bom resultado para fechar 2020 e abrir a pré-campanha de 2022. O senador Marcelo Castro (MDB) foi o piauiense mais bem colocado no Ranking Dos Políticos, ficando entre os 100 mais bem avaliados do Congresso Nacional. É o mesmo ranking que traz a deputada federal Rejane Dias do PT como a pior parlamentar do Piauí.

    Marcelo termina o ano com um resultado positivo na avaliação de parlamentares nacional (foto: Jailson Soares | PoliticaDinamica.com)

    Foram avaliados os 10 deputados federais e os três senadores do estado.

    VEJA O RESULTADO COMPLETO AQUI!

    Provável nome do MDB para disputar a eleição de governador em 2022, Marcelo Castro obteve 7,36 pontos e ficou na 93ª geral. Já seu concorrente direto, o senador Ciro Nogueira (PP) alcançou apenas 4,77 pontos, figurando como 420º colocado na lista, de acordo com os critérios estabelecidos e avaliados pelo site. Para calcular a nota de cada parlamentar, o Ranking dos Políticos dá notas de acordo com informações obtidas em fontes oficiais como os sites da Câmara, do Senado e dos Tribunais de Justiça.

    Ciro ficou atrás de Marcelo no ranking dos políticos de 2020; os dois devem disputar o Governo do Estado em 2022 (foto: Jailson Soares | PoliticaDinamica.com)

    São observados três principais comportamentos dos parlamentares: combater privilégios (votando a favor de matérias que busquem esse objetivo), evitar desperdício (não faltando ao trabalho e economizando verba de gabinete) e postura anticorrupção (quem responde a processos judiciais perde pontos).


    • R&G Feet
  • quinta, 17 de dezembro de 2020, às 14:38h

    Dados do painel epidemiológico da Fundação Municipal de Saúde (FMS) mostram que Teresina superou, nesta semana, a marca de 17 mil pessoas recuperadas da Covid-19. Desde o início da pandemia, no mês de março, um total de 17.091 pacientes ficaram curados da doença após tratamento hospitalar ou em casa.

    Somente nos hospitais municipais que atendem exclusivamente casos de infecção pelo novo coronavírus, já foram registradas 1.560 altas. Durante a pandemia, Teresina montou duas estruturas dedicadas para pacientes com Covid-19: o Hospital de campanha Padre Pedro Balzi, que funciona na quadra de badminton da UFPI, e o Hospital de Campanha João Claudino Fernandes, anexo ao HUT. Além disso, o Hospital do Monte Castelo mantém atendimento exclusivo para o novo coronavírus, e a Maternidade do Promorar foi destacada para o apoio e tratamento de gestantes com a doença.

    A coordenadora do Centro de Operações em Emergência (COE) da FMS, Wesllany Santana, ressalta que, além das altas hospitalares, integram o grupo dos recuperados aquelas pessoas com Covid-19 que estavam com quadro leve da doença e fizeram o tratamento em casa. “Após cumprimento de 14 dias de isolamento, essas pessoas tiveram melhora do quadro clínico de saúde”, afirma, informando que o número de recuperados na cidade é ainda maior e está sendo atualizado diariamente no sistema.

    Estes pacientes receberam apoio das Unidades Básicas de Saúde (UBS) que foram responsáveis pelo atendimento para casos mais leves e suspeitos. Atualmente, Teresina conta com 20 unidades em todas as zonas da cidade prestando este serviço em horário estendido, das 7h da manhã às 19h, todos os dias da semana. “A equipe de saúde avalia o caso e toma a conduta adequada, que pode envolver orientação médica, prescrição de medicamentos, indicação de isolamento domiciliar ou mesmo encaminhamento para hospitais ou UPAS, em casos mais graves”, explica o diretor de Atenção Básica da FMS, Kledson Batista.

    A pedagoga Aline Damasceno foi uma das pessoas que venceu a Covid-19. Ela conta que, após sentir os primeiros sintomas da doença, dirigiu-se à UBS do bairro Real Copagre, onde recebeu atendimento médico e fez o teste RT-PCR, considerado o mais confiável e efetivo para diagnóstico. “Antes mesmo de receber o resultado, o médico já iniciou o tratamento e passei os dias em casa em isolamento até me curar”, conta ela. “Eu gostei muito do atendimento da UBS, foi rápido e fui bem atendida”, elogia.

    Fonte: Ascom PMT 

    • R&G Feet
  • quarta, 16 de dezembro de 2020, às 15:27h

    Quando em março deste ano Yuri Alisson Cavalcante Ribeiro ganhou R$ 100,00 na Nota Piauiense, certamente não imaginou que terminaria o ano de 2020 exonerado do Tribunal de Justiça do Piauí. Foi o que aconteceu na manhã desta quarta-feira (16), quando o desembargador Sebastião Ribeiro Martins, presidente do TJ-PI, soube da Operação Acesso Negado II.

    Sebastião Ribeiro Martins: presidente do TJ-PI exonerou servidor envolvido em esquema de obstrução de investigações (foto: Jailson Soares | PoliticaDinamica.com)

    Yuri foi alvo da segunda fase da operação que investiga um esquema criminoso de obstrução das investigações da Polícia Federal sobre desvios de recursos públicos da Educação no município de União-PI, no âmbito de outra operação, a “Delivery”. O agora ex-servidor era lotado no na cidade de Matias Olímpio e de lá acessou ilegalmente informações do sistema da Justiça Estadual sobre o caso em União.

    Exoneração do servidor acusado de repassar informações sigilosas de maneira ilegal para advogados (imagem: reprodução)

    Segundo a PF, essas informações eram repassadas a advogados que monitoravam as investigações com intuito de antecipar ações da Polícia Federal e da Justiça com finalidade de proteger os envolvidos na operação original.

    Em nota à imprensa, o desembargador Sebastião Martins afirmou que o Tribunal de Justiça do Piauí vai colaborar de todas as formas com as investigações.

    Veja a nota na íntegra:

    O presidente do Tribunal de Justiça do Piauí, desembargador Sebastião Ribeiro Martins,

    Ao tomar conhecimento da operação “Acesso Negado II”, deflagrada pela Polícia Federal na manhã de hoje (16) e amplamente divulgada na imprensa local, o presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Piauí determinou a imediata exoneração do servidor citado na operação. Trata-se de servidor que ocupava cargo em comissão na comarca de Matias Olímpio.

    Por fim, o TJ-PI ressalta que estará à disposição das autoridades policiais, caso solicitado, para auxiliar nas investigações e reafirma seu posicionamento contrário a toda e qualquer prática ilegal.

    Atenciosamente,

    Assessoria de Comunicação do Tribunal de Justiça do Estado do Piauí

    • R&G Feet
  • quarta, 16 de dezembro de 2020, às 14:36h

    Um total de 174 pessoas foram diagnosticadas com Covid-19 em 24 horas. É o que revela o painel epidemiológico da Fundação Municipal de Saúde (FMS), que monitora diariamente os casos da doença na capital. De acordo com ele, Teresina acumula até o momento 46.486 casos e 1.189 óbitos desde o início da pandemia, além de 17.091 pessoas recuperadas.

    Foi registrada ainda uma morte, ocorrida ontem (15). O paciente era um homem de 71 anos, que faleceu em um hospital privado da cidade. O boletim informa que ele era portador de comorbidades como diabetes e hipertensão, o que pode ter agravado suas condições de saúde.

    A Covid-19 caracteriza-se pelos sintomas muito semelhantes ao da influenza e outras síndromes gripais, como febre, tosse seca e cansaço. Pode haver ainda dores no corpo e perda de paladar ou olfato. A recomendação da FMS é que se procure os serviços de saúde ao primeiro sinal da doença. “A qualquer sintoma gripal a pessoa deve procurar uma Unidade Básica de Saúde para ser atendida pela equipe médica. Não se pode esperar o quadro gripal se agravar para procurar o médico. A melhor alternativa é acompanhar de perto e monitorar o quadro de cada paciente”, diz a infectologista Amparo Salmito.

    Teresina dispõe atualmente de 20 UBS para atendimento exclusivo de casos de suspeitos de Covid-19. Elas funcionam todos os dias das 7h às 19h. Nestes locais, o paciente com sintomas semelhantes aos da infecção pelo novo coronavírus passam pela consulta médico, fazem o teste da doença e posteriormente recebem o tratamento necessário de acordo com seu diagnóstico.

    Confira a lista das UBS com atendimento exclusivo para síndromes gripais abaixo:

    Zona Sul:
    UBS Parque Piauí
    UBS Monte Castelo
    UBS São Pedro
    UBS Irmã Dulce
    UBS Dagmar Mazza
    UBS Betinho
    UBS Hugo Prado

    Zona Sudeste:
    UBS Redonda
    Carlos Alberto Cordeiro (Dirceu II)
    UBS Todos os Santos
    UBS Novo Horizonte

    Zona Norte:
    UBS Poty Velho
    UBS Santa Maria da Codipi
    UBS Real Copagre
    UBS Karla Ivana (Matadouro)
    UBS Mocambinho

    Zona Leste:
    UBS São João
    UBS Taquari
    UBS Planalto Uruguai
    UBS Cidade Jardim

    Fonte: Ascom PMT

    • R&G Feet
  • quarta, 16 de dezembro de 2020, às 13:00h

    Três mandados de busca e apreensão foram cumpridos hoje (16) pela Polícia Federal em Teresina e também na cidade de Matias Olímpio-PI. Segundo a PF, existem indícios razoáveis de que um servidor da Justiça Estadual do Piauí teria realizado acesso indevido a sistemas da Justiça Estadual do Piauí no intuito de informar a advogados acerca de expedição de mandados de busca e apreensão e prisão preventiva decorrente de investigações policiais. Ainda, o inquérito policial aponta que o referido servidor recebeu vantagem indevida no intuito de satisfazer interesse do advogado investigado.

    O delegado Allan Reis explicou a operação, veja!


    UMA OPERAÇÃO DEPOIS DA OUTRA

    A ação da PF é uma segunda fase da Operação Acesso Negado, que no último mês de agosto de 2020 prendeu o jornalista Tony Trindade (apresentador da BAND Piauí) e que investiga atos ilegais de intervenção/embaraçamento a respeito de outra Operação da própria PF, a Operação policial “Delivery”, que apura desvio de recursos públicos do FUNDEB destinado ao município de União-PI e que teve início após a apreensão de R$ 379 mil em União-PI dentro de um veículo alugado pala Prefeitura daquele município que retornava de viagem ao Ceará.

    Tony Trindade nega que tenha participado de atos de obstrução de operação policial (foto: reprodução)

    À época da primeira fase, o jornalista alegou que "apenas fez o seu dever de jornalista e formador de opinião" ao veicular fatos sobre a Operação Delivery. Além do mandado de prisão preventiva contra Tony Trindade, naquela primeira fase em agosto foram cumpridos 5 mandados de busca e apreensão nas cidades de Teresina-PI e Monsenhor Gil-PI, expedidos pela Justiça Federal de Teresina-PI.

    PARTICIPAÇÃO DE ADVOGADOS

    Naquele momento foram identificados "atos escusos relacionados a encontros obscuros com agentes públicos no intuito de obter informações sigilosas, acesso indevido a processo judicial sigiloso, convergência e manipulação de versões, atos intimidatórios no intuito de frustrar a investigação policial, dentre outros fatos". A PF suspeitava que advogados participavam do esquema, o que parece ter sido confirmado nesta segunda fase da Operação Acesso Negado, denominada "Epifania".

    Os investigados poderão responder, na medida de suas culpabilidades, pelos crimes de corrupção ativa/passiva (arts. 317 e 333 do CP), violação do sigilo funcional (art. 325 do CP) e embaraço a investigação que envolve organização criminosa (art. 2º, §1º da lei 12.850/13) cujas penas somadas podem chegar a 22 anos de reclusão.


    • R&G Feet
  • terça, 15 de dezembro de 2020, às 18:12h

    Petistas e Dr. Pessoa continuam conversando. Pelo meio da conversa, o “primeiro-ministro” João Henrique tenta traduzir os interesses das partes. O PT quer entrar na Prefeitura de Teresina, mas não quer coisa pequena. Quer causar impacto.

    O Política Dinâmica conversou com vereadores e articuladores do PT. Não quiseram gravar as entrevistas para não atrapalhar a delicada conversa com a futura gestão da capital.

    De todo modo, a avaliação geral é que uma pasta pequena não comporta o tamanho do Partido dos Trabalhadores. Ainda que a Secretaria Municipal de Políticas Públicas para Mulheres tenha seu reconhecido trabalho social (esse até aqui foi o espaço oferecido aos petistas) o consenso é de que num espaço executivo adequado, o Governo do Estado e as bancadas estadual e federal do partido podem despejar mais recursos e “mostrar serviço” logo nos primeiros meses da gestão.

    A conversa é delicada, mas o apetite é voraz: o PT quer uma das grandes pastas da PMT (imagem: Ascom | Jailson Soares | PoliticaDinamica.com)

    Claro, na visão deles, o impacto também seria positivo para 2022, abrindo uma nova perspectiva administrativa para os olhos dos teresinenses, exatamente onde se concentra o maior volume do “antipetismo”.

    E que espaços – grandes o suficiente – ainda restam na partilha do bolo do Pessoa? As Superintendências de Desenvolvimento Urbano (SDUs), a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Habitação (SEMDUH), a Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (SEMCASPI) e a Superintendência de Desenvolvimento Rural (SDR).

    Nenhuma outra além dessas cabe o pessoal do PT do jeito que o PT imagina que pode colaborar de maneira relevante. Claro que algumas delas, nos bastidores, já estariam prometidas para outras siglas e lideranças. Mas aí já é problema do Dr. Pessoa “desprometer” alguma delas.

    Para os petistas, Dr. Pessoa deve colocar na balança: é melhor colocar qualquer um para gerenciar o orçamento enxuto dessas pastas ou garantir um volume bem maior de recursos do Governo do Estado e emendas parlamentares de 2 deputados federais, 5 deputados estaduais e 3 vereadores?

    Hein?

    • R&G Feet
  • terça, 15 de dezembro de 2020, às 17:35h

    A Fundação Municipal de Saúde (FMS) registrou no sistema a morte de três pessoas vítimas da Covid-19 em Teresina, nesta segunda-feira (14). Houve ainda 163 novos casos confirmados da doença. Desde o início da pandemia, no mês de março, até agora, a capital piauiense contabiliza o total de 1.188 óbitos. Os dados apontam ainda 46.312 infectados pelo novo Coronavírus e 17.087 recuperados da Covid-19.

    Os óbitos registrados ontem aconteceram dias 12 e 13 de dezembro. Foram de um homem e duas mulheres, com idades entre 51 e 75 anos. Todos tinham comorbidades como doença cardíaca, diabetes e hipertensão arterial.

    Os órgãos de saúde recomendam várias medidas para evitar a propagação da Covid-19: lavar as mãos com frequência, usando sabão e água ou álcool em gel; manter uma distância segura das pessoas; usar máscara em locais públicos; não tocar nos olhos, nariz ou boca; cobrir o nariz e boca com o braço dobrado ou um lenço ao tossir ou espirrar; ficar em casa se estiver indisposto e procurar atendimento médico ao apresentar qualquer sintoma de síndrome gripal.

    A médica infectologista do Centro de Operações em Emergências (COE) da FMS, Amparo Salmito, ressalta que a vigilância não pode parar. “O mundo assiste, em alguns países bem mais desenvolvidos que o Brasil, o retorno de confirmação de casos e, mais recentemente, as suspeitas de possíveis reinfecções”, diz.

    Fonte: Ascom PMT

    • R&G Feet
  • terça, 15 de dezembro de 2020, às 17:17h

    Muita água ainda vai passar pode debaixo da ponte daqui até 2022. Mas a esta altura do campeonato, os líderes de oposição já deveriam ser mais numerosos. O senador Ciro Nogueira reuniu ontem (14) deputados federais e estaduais para tratar exatamente da oposição ao governador Wellington Dias (PT), mas deu pouca gente na foto.Deputados do PP desfalcaram a foto dos que acreditam em Ciro como opção para o Governo do Estado em 2022 (foto: Instagram)

    O número de parlamentares destoa bastante do número de prefeitos eleitos que atendem a um chamado de Ciro. Dentre as lideranças municipais, o senador é um projeto incontestável para 2022. Já entre os deputados dentro de seu próprio partido...

    Para organizar a tal oposição, Ciro reuniu os progressistas B.Sá, Júlio Arcoverde, Lucy Soares, Átila Lira e Iracema Portella, além de Marden Menezes (PSDB) e Gustavo Neiva (PSB). A deputada estadual Tereza Britto (PV) não foi. Reunião rápida, não chegou a demorar uma hora inteira. Falaram sobre as eleições municipais e sobre o saldo positivo delas para o grupo, descontando-se, claro, as derrotas em Teresina e Piripiri. Ciro falou mais que os convidados.

    Ciro falou mais que os convidados; ficou no ar a impressão de que ele aguarda a reforma administrativa de Wellington no início de 2021 (foto: Instagram)

    Os estaduais Firmino Paulo, Wilson Brandão e Hélio Isaías e a federal Margarete Coelho – todos filiados ao Progressistas – não deram as caras e continuam com suas indicações na gestão do PT, quase 5 meses depois do rompimento oficial de relações políticas entre Ciro e Wellington.

    Veja nosso comentário:

    Esse atraso na saída ou insistência na permanência (o que couber melhor em cada caso) já demonstra que alguma coisa está errada na oposição.

    O primeiro problema é um sinal de que falta alguma firmeza de liderança do senador Ciro Nogueira. É possível estar com Ciro e Wellington ao mesmo tempo?

    O segundo é o péssimo recado que se dá a quem não faz parte do governo: o de que candidatos proporcionais que estão a mais tempo na oposição vão ter que concorrer diretamente dentro de seu partido contra aqueles que passaram mais tempo se “abastecendo” dentro do governo.

    Se Ciro não consegue unir o próprio partido, como unirá os demais em torno do projeto de 2022?

    • R&G Feet


voltar para 'Política Dinâmica'