Coluna Gustavo Almeida Política Dinâmica
SUCESSÃO
O PRIMEIRO GRANDE SUSTO

PESQUISA DO INSTITUTO DATA AZ MOSTRA DR. PESSOA EMPATADO COM WELLINGTON DIAS NA CAPITAL APÓS DOIS DIAS COMO PRÉ-CANDIDATO

25/07/2018 11:50 - Atualizado em 25/07/2018 12:06

Pré-candidatos estão empatados na capital (Fotos: Jailson Soares/PoltiicaDinamica.com)

Dois dias após o deputado estadual Dr. Pessoa (SD) lançar sua pré-candidatura ao governo do Piauí, uma pesquisa já o aponta empatado tecnicamente com o governador Wellington Dias (PT) na capital Teresina. Conforme o levantamento do Instituto Data AZ, registrado na Justiça Eleitoral com o número PI-09631/2018 e BR-3608/2018 e divulgado nesta quarta-feira (25), Pessoa, inclusive, derrotaria o petista no segundo turno.

Wellington tem 30,48%, contra 27,55% de Dr. Pessoa, 10,97% de Elmano Férrer (Podemos), 8,42% de Luciano Nunes (PSDB), 1,15% de Valter Alencar (PSC) e 0,51% de Fábio Sérvio e Luciane Santos. Irmã Graça, da Rede, tem 0,38% e Romualdo Sena (PSDC) são citados por 0,26%. A margem de erro da pesquisa é de 3,5%.

No cenário simulado de segundo turno entre Pessoa e Wellington, a pesquisa mostra que o deputado estadual derrota o governador com 43,24% de intenções de voto contra 36,86%. O levantamento mostra ainda que Wellington tem a maior rejeição entre todos os candidatos.

A pesquisa do Instituto Data AZ é o primeiro grande susto no Palácio de Karnak, onde muitos já tinham como certa a vitória de Wellington Dias. Ele ainda é o favorito na disputa, mas, se for eleito, não será por "aclamação" como os mais empolgados vinham achando.

É verdade que o levantamento foi feito apenas em Teresina, mas já é algo capaz de causar preocupação, por vários motivos. A capital tem aproximadamente 25% do eleitorado do Piauí e é uma importante caixa de ressonância dos acontecimentos políticos do Estado.

Além disso, aquele eleitor indeciso lá no interior, que não andava disposto a votar em Wellington, pode decidir de vez por um nome da oposição ao ver o sentimento na capital. O resultado pode dar o ânimo que muita gente estava esperando encontrar, já que os nomes da oposição apareciam em posições modestas nas pesquisas, inclusive em Teresina.

O resultado não é motivo para causar euforia em ninguém, nem mesmo em Dr. Pessoa, que ainda tem muito chão pela frente e um interior todo a desbravar. Além de Teresina, existem outros 223 municípios e em todos eles tem piauienses que vão às urnas. Apesar disso, os números da capital são suficientes para se deixar bem claro: não existe “já ganhou”.

Comentários (1)

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Nome:
mensagem:
    Santhiago Tibiriçá em 27 de julho de 2018 às 04:07

    Tenho dito que se o melhor candidato da oposição botar 100 mil votos de maioria em Teresina e 50 mil votos em Parnaiba, Piripiri, Floriano, já era para a Cleptocracia que governa o Piaui desde 2003. O resto é diferença de pinga pinga de votos.

Notícias relacionadas
CRÍTICA
VEREADOR DIZ QUE FIRMINO DEU CALOTE EM MORADORES
VEREADOR DIZ QUE FIRMINO DEU CALOTE EM MORADORES
TOPIQUE
CPI DO TRANSPORTE ESCOLAR
CPI DO TRANSPORTE ESCOLAR
ATRITO
JEOVÁ DIZ QUE CÂMARA FOI EXCLUÍDA DE CELEBRAÇÕES
JEOVÁ DIZ QUE CÂMARA FOI EXCLUÍDA DE CELEBRAÇÕES
É DIFERENTE!
VOTAR NÃO É APOIAR
VOTAR NÃO É APOIAR