Coluna Gustavo Almeida Política Dinâmica
AINDA HÁ QUEM SONHE COM O ABSURDO

OPINIÃO: SEGMENTOS DO MOVIMENTO MUNICIPALISTA CONTINUAM A DEFENDER PRORROGAÇÃO DOS MANDATOS DE PREFEITOS POR CONTA DA PANDEMIA

15/06/2020 12:29 - Atualizado em 15/06/2020 12:46

Movimento de prefeitos ainda quer prorrogação de mandatos (Foto: Divulgação/CNM)

Com a pandemia do novo coronavírus, segmentos do Movimento Municipalista Brasileiro ainda insistem na ideia da prorrogação dos mandatos de prefeitos, vice-prefeitos e vereadores. No exercício do poder, muitos prefeitos avaliam que o melhor é prorrogar seus mandatos.

A Confederação Nacional dos Municípios (CNM) se coloca contra o adiamento da eleição para novembro ou dezembro, como está sendo discutido. Para a entidade, o adiamento por apenas um ou dois meses não vai garantir segurança sanitária para a realização do pleito.

Desse modo, o Movimento Municipalista continua a defender que, nesse momento, o ideal é prorrogar os mandatos, mesmo que não seja para 2022. E se for, melhor ainda, dizem eles.

Interessante notar que os atores que defendem a prorrogação dos mandatos são somente os prefeitos que estão no poder, seus babões e um ou outro político que se beneficiaria da prorrogação dos mandatos dos seus aliados para ganhar dividendos eleitorais.

A ideia não encontra guarida nos políticos lúcidos do Congresso e nem no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). São apenas prefeitos, babões e oportunistas sonhando com esse absurdo.

ANTERIOR

CONSELHEIRO LUCIANO NUNES TESTA POSITIVO PARA COVID-19

PRÓXIMA

NOVO PRESIDENTE DO PT VAI SER UM DEPUTADO ESTADUAL