Coluna Gustavo Almeida Política Dinâmica
79 ANOS, HEXACAMPEÃO E SUSPEITO DE LIDERAR ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA

GAECO DEFLAGRA OPERAÇÃO CONTRA CORRUPÇÃO E DIZ QUE PREFEITO DE 79 ANOS É LÍDER DE ESQUEMA CRIMINOSO EM PREFEITURA DO PIAUÍ

15/09/2020 09:05 - Atualizado em 15/09/2020 12:28

Agentes do Gaeco e da polícia foram até a prefeitura (Foto: Divulgação/MP-PI)

O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado do Ministério Público do Piauí (Gaeco) deflagrou, na manhã desta terça-feira (15), a Operação Perpetuatio. O alvo principal é o prefeito do município de Itaueira, Quirino Avelino (PTB). O gestor completa 79 anos este mês e está no sexto mandato como prefeito da cidade, que fica a 344 km de Teresina, no Sul do Piauí. 

Ao todo, foram cumpridos três mandados de prisão temporária e 15 mandados de busca e apreensão, inclusive na casa de Quirino Avelino e na prefeitura. Não há mandado de prisão contra Quirino. Os presos são dois empresários e o secretário municipal de Transportes. Eles serão ouvidos e depois levados para o presídio da Vereda Grande, localizado em Floriano. 

De acordo com o Gaeco, o prefeito é suspeito de liderar uma organização criminosa que atua para fraudar licitações públicas e, consequentemente, desviar dinheiro público da prefeitura.

Quirino Avelino é o alvo principal da operação (Foto: Jailson Soares/PoliticaDinamica.com)

A investigação teve início para apurar três fatos criminosos que envolvem desvios de dinheiro público, lavagem de dinheiro e organização criminosa: o primeiro referente à aquisição fraudulenta de uma ambulância para a Secretaria Municipal de Saúde; o segundo referente a construções e reformas de obras públicas, inclusive pavimentação de vias, e o terceiro em decorrência da não prestação adequada e fraudes no serviço de transporte escolar.

Segundo as investigações, o prefeito se utilizou de empresas de fachada e de servidores públicos para fraudar os processos licitatórios em questão. O nome da Operação, Perpetuatio, faz referência à perpetuação do gestor à frente do município de Itaueira, utilizando práticas fraudulentas para auferir vantagens ilícitas à frente da gestão pública.

Polícia cumpriu mandados na cidade de Itaueira (Foto: Divulgação/MP-PI)

A ação do Gaeco em Itaueira conta com auxílio da Polícia Civil, da Polícia Militar, do Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI) e da Polícia Rodoviária Federal.

HEXAPREFEITO 

Quirino Avelino está no sexto mandato como prefeito de Itaueira e é recordista em número de mandatos para o cargo no estado do Piauí. Ele tomou posse pela primeira vez como prefeito há quase 50 anos. Quirino venceu as disputas para prefeito nos anos 1972, 1992, 2000, 2004, 2012 e, por último, em 2016. Por lá, é chamado de hexaprefeito.

Quando ainda estava no quinto mandato, seus aliados políticos usavam na cidade o bordão "todo mundo tenta, mas só o Quirinão é penta".

Apesar de não ter sequer o ensino fundamental completo, ele é considerado quase imbatível. Teve o mandato cassado em 2008, mas voltou ao poder após vencer as eleições de 2012 e 2016. Nas vezes em que não foi candidato, quase sempre elegeu um sucessor da sua predileção.

Quirino ganhou primeira eleição em 1972 (Foto: Jailson Soares/PoliticaDinamica.com)

'O CABRA NÃO PEGA NO MANÉ'

Em novembro de 2019, Quirino deu entrevista ao Política Dinâmica e citou que hoje em dia as prestações de contas ficaram mais rigorosas que no passado. Ele recordou que antes tudo era no cheque, o que fazia com que muitos prefeitos vendessem cheques do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), uma prática de corrupção à moda da época.

"Antes tinha um tal de um cheque e vendiam cheque do FPM pra daná. E agora não tem isso. O cabra não pega no mané", falou o prefeito agora acusado pelo Gaeco de desviar dinheiro.

Na entrevista, ele disse que o segredo para se eleger seis vezes é tratar o povo bem, fazer as coisas e descartar os traidores. "Quando tinha os sucessores que me traíam, eu ia lá e voltava".

Comente!

ANTERIOR

PDT APOIA JEOVÁ E QUER ESPAÇO NA MESA DIRETORA

PRÓXIMA

FÁBIO NOVO VOLTA PARA A SECRETARIA DE CULTURA