Coluna Marcos Melo Política Dinâmica
SENADO
CIRO E MARCELO ELEITOS

GOVERNO ELEGE DOIS SENADORES MOSTRA A FORÇA DO ROLO COMPRESSOR DA MÁQUINA FEDERAL UNIDA AO ESTADO

08/10/2018 00:09 - Atualizado em 08/10/2018 06:01

Governo elege toda a chapa majoritária e os dois senadores passaram de 800 mil votos cada um (foto: facebook)

Ao lado do governo, com uma superestrutura e com apoio de centenas de prefeitos não era difícil prever que o senador Ciro Nogueira, presidente nacional do Progressistas, seria reeleito. Mas ele não foi o único do governo. Surpresa para alguns, Marcelo Castro (MDB) agora segue também para um mandato de 8 anos em Brasília.

Ciro alcançou a marca de 897.959 votos, o que corresponde a 29,92% do total de votos válidos. Já Marcelo Castro, em segundo lugar, chegou ao fim da eleição com 812.213 votos, que correspondem a 27,06%.

O ex-governador Wilson Martins (PSB) mais uma vez fica sem a vaga de senador. O candidato mais votado da oposição somou 570.065 votos, 18,99% do total, ficando longe da vaga no Senado da República. Apesar de ter liderado pesquisas na maior parte da campanha, Wilson permanece sem mandato eletivo.

Fechando o pelotão mais destacado da corrida de senadores, Robert Rios (DEM) conseguiu  8,27% dos votos válidos, ou seja 248.223 votos; o cantor Frank Aguiar (PRB) ficou com 5,04%, 151.269 votos.

Veja os demais na tabela abaixo!

Com este resultado, Ciro tira um peso das costas e se consolida como líder do maior grupo político do Piauí; Marcelo se credencia como sucessor de Wellington Dias em 2022; e Wilson volta pro consultório para continuar exercendo a medicina.

Comentários (181)

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Nome:
mensagem:
Notícias relacionadas
SÓ GASTA COM PROPAGANDA
O DESPERDÍCIO QUE MATA!
O DESPERDÍCIO QUE MATA!
NOVO GOVERNO DO PT
QUEM VAI MANDAR NA COMUNICAÇÃO?
QUEM VAI MANDAR NA COMUNICAÇÃO?
ELEIÇÕES 2018 NA OAB-PI
GEÓRGIA E CELSO JUNTOS! E AGORA?
GEÓRGIA E CELSO JUNTOS! E AGORA?
NOVO GOVERNO DO PT
CHICO LUCAS NO GOVERNO
CHICO LUCAS NO GOVERNO