Coluna Marcos Melo Política Dinâmica
A MAIORIA DE REELEITOS
BANCADA ESTADUAL ELEITA

SEM SURPRESAS, GEORGIANO NETO LIDERA VOTAÇÃO NA ALEPI, SEGUIDO DE LUCY SOARES E JÚLIO ARCOVERDE; COFIRA TODOS OS ELEITOS!

07/10/2018 20:45

Georgiano, Lucy e Júlio: a tradição e a estrutura impuseram as maiores votações da bancada estadual no Piauí (foto: Jailson Soares | politicaDInamica.com)

São trinta vagas, mas a eleição dos deputados estaduais era a mais previsível dentre todos os cargos em disputa. O governo confirmou sua força na hora de eleger proporcionais e segurou 24 cadeiras na Assembleia Legislativa do Piauí. A oposição fez o resto sendo 2 pela chapa de Luciano Nunes, 2 Pela chapa de Elmano Ferrer e outros 2 com Dr. Pessoa.

As bancadas dos partidos ficaram assim. O MDB permanece como maior partido na Alepi, com 6 cadeiras e deve manter, também, a presidência da Casa. Empatam em segundo, as bancadas de PT e Progressistas, com 5 cada uma. O PR ficou com 3 deputados, o PTB com 2 e PDT, PSD, PRTB, 1 cadeira cada. Os partidos de oposição: PTC, PSDB, PSB, PV, PPS e PRB fizeram 1 deputado cada.

Georgiano Neto (PSD), o rei dos calçamentos, filho do deputado federal reeleito Júlio Cesar Lima foi reeleito com absurdos 79.723 votos em todo o Piauí. Serve, assim, de prova incontestável de que prefeito, dinheiro e obra de calçamento dão voto a quem for.

Em segundo ficou a primeira-dama de Teresina Lucy Soares (PP) que teve 57.384 votos, conquistando seu primeiro mandato eletivo. É prova incontestável da força da máquina municipal nas mãos do prefeito Firmino Filho e indica que o tucano mira o interior para vôos futuros. O terceiro na disputa foi o presidente estadual do Progressistas, Júlio Arcoverde, reeleito com 49.688 votos.

Os governistas continuam com os seguintes nomes por ordem de votação: Wilson Brandão (PP) com 47.908 votos; Severo Eulálio (MDB) com 47.175 votos, Flávio Nogueira Junior (PDT) com 47.007 votos; Zé Santana (MDB) com 45.813 votos; Limma (PT) com 44.234 votos; Themístocles Filho (MDB) com 42.773 votos; Dr. Francisco Costa (PT) com 41.966 votos; Janaínna Marques (PTB) com 41.653 votos; Dr. Hélio (PR) com 38.391 votos; Henrique Pires (MDB) com 38.346 votos; Pablo Santos (MDB) com 38.177 votos; Fernando Monteiro (PRTB) com 36.852; Fábio Xavier (PR) com 35.779 votos; Fábio Novo (PT) com 35.714 votos; Hélio Isaías com 35.358 votos; Franzé Silva (PT) com 31.526 votos; Coronel Carlos Augusto com 30.810 votos; João Mádison (MDB) com 30.118 votos; Flora Izabel (PT) com 29.061votos; Nerinho (PTB) com 27.684 votos; e Firmino Paulo (PP) com 26.692 votos.

Pela oposição, na coligação do Dr. Pessoa, foram eleitos Pastor Gessivaldo Isaías (PRB) — que na verdade é governista — com 28.259 votos; e Evaldo Gomes (PTC) com 26.851 votos.

Pela coligação que apoiava Luciano Nunes os eleitos são Marden Menezes (PSDB) com 42.096 votos; e Gustavo Neiva (PSB) com 34.662 votos.

Pela chapinha de Elmano Ferrer, os nomes são o da vereadora Tereza Britto (PV) com 19.532 votos e Oliveira Neto (PPS) com 17.633 votos.

Veja a lista com os eleitos por ordem de votação, coligação e partido.

Comentários (0)

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Nome:
mensagem:
Notícias relacionadas
DEPUTADOS FEDERAIS
BANCADA FEDERAL ELEITA
BANCADA FEDERAL ELEITA
SENADO
CIRO E MARCELO ELEITOS
CIRO E MARCELO ELEITOS
PT REELEITO
4 VEZES NO 1º TURNO
4 VEZES NO 1º TURNO
PROTESTO
VOTO SEM REAL
VOTO SEM REAL