Coluna Lídia Brito Política Dinâmica
ERRAMOS
CORREÇÃO: MARCELO CASTRO NÃO FOI DENUNCIADO AO STF

DIFERENTE DO QUE INFORMAMOS, O DEPUTADO FEDERAL TEVE APENAS SEU NOME CITADO EM UM ARGUMENTO DA DENÚNCIA CONTRA OUTROS INTEGRANTES DO PMDB

16/09/2017 19:31 - Atualizado em 16/09/2017 21:19

O nome de Marcelo Castro foi somente citado no contexto de explicações sobre uma planilha ligada às atividades de Eduardo Cunha (foto: Jailson Soares | PoliticaDinamica.com)

A coluna errou ao informar que o deputado federal Marcelo Castro, do PMDB, teria sido denunciado pelo procurador-geral da República Rodrigo Janot ao Supremo Tribunal Federal. Na verdade, o nome de Marcelo Castro é citado no texto da denúncia, nas páginas 31, 193 e 195, em notas de rodapé que fazem menção a um depoimento do delator Lúcio Funaro e a uma planilha de controle de recursos supostamente de propinas ligada ao ex-deputado Eduardo Cunha, que de acordo com a PGR, apontam que o Cunha teria repassado R$ 1 milhão ao piauiense.
A reportagem foi corrigida neste sábado (16), às 18h00. LEIA A MATÉRIA ORIGINAL AQUI. 

Comentários (0)

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Nome:
mensagem:
Notícias relacionadas
ELEIÇÕES 2018
“TRÊS ALBERTÕES DE VOTOS PARA REJANE DIAS”, PEDE DANIEL OLIVEIRA
“TRÊS ALBERTÕES DE VOTOS PARA REJANE DIAS”, PEDE DANIEL OLIVEIRA
REELEIÇÃO
DE OLHO EM 2018, WELLINGTON E REJANE DIAS REÚNEM PREFEITOS
DE OLHO EM 2018, WELLINGTON E REJANE DIAS REÚNEM PREFEITOS
DISPUTA
LÍDER REAGE E CRITICA OPOSIÇÃO A WELLINGTON DIAS
LÍDER REAGE E CRITICA OPOSIÇÃO A WELLINGTON DIAS
DISPUTA
“VOU PEDIR A DISSOLUÇÃO DA CÂMARA DE TERESINA”, DIZ DUDU
“VOU PEDIR A DISSOLUÇÃO DA CÂMARA DE TERESINA”, DIZ DUDU