Coluna Justiça Dinâmica Política Dinâmica
Técnica Benchmarking é aposta do TRE para gestão

PRESIDENTE PAES LANDIM DIVULGOU RELATÓRIO CONTENDO AS PRINCIPAIS AÇÕES DE SUA GESTÃO NA JUSTIÇA ELEITORAL

01/07/2019 11:35 - Atualizado em 01/07/2019 12:10

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Piauí, Desembargador Francisco Antônio Paes Landim Filho, divulgou o Relatório de Gestão 2018, o mesmo apresentado ao Tribunal de Contas da União (TCU) para prestar contas das ações do TRE-PI realizadas no exercício passado. No relatório foram registrados os objetivos estratégicos do TRE-PI no ano de 2018, definidos em consonância com o Plano Estratégico 2015/2020, demonstrado sucintamente no resultado dos indicadores, cuja finalidade é permanecer dentro do planejamento de outrora, ratificando ao longo de 2018 as perspectivas e os temas originais como a missão da Instituição: “garantir a legitimidade do processo eleitoral”.

“Convém deixar consignado que, ainda no ano de 2018, foi lançado pela Presidência o Plano de Ação de Apoio aos Cartórios e Postos Eleitorais, voltado para o fortalecimento da Primeira Instância de Jurisdição da Justiça Eleitoral, composto de 15 medidas emergenciais, destacando-se se as seguintes: criação de serviço de apoio aos cartórios e postos eleitorais; revitalização do ambiente de trabalho, melhorando a limpeza e estrutura física como um todo; renovação mobiliar e do parque tecnológico, inclusive melhorando a conexão de dados; aquisição de veículos; locação de imóveis, visando retirar o funcionamento da Justiça Eleitoral das dependências físicas da Justiça Estadual em algumas localidades do interior do estado”, declara o presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Piauí.

No exercício de 2018, o TRE-PI, fomentando a cultura de boas práticas de governança, utilizou a técnica Benchmarking (busca das melhores práticas) e realizou reuniões, por meio do Conselho de Governança da Estratégia do TRE-PI (CONGEST), para analisar e responder ao questionário Integrado de Governança, obtendo-se, com isso, subsídio para avaliar seu grau de maturidade em governança. No referido exercício, o TRE-PI realizou, por intermédio de sua Unidade de Controle, auditorias internas objetivando examinar a regularidade das ações efetivadas pela Administração.

“Foram realizadas quatro auditorias referentes às áreas de Gestão de Pessoas e de Gestão Administrativa, com os seguintes objetos: processo de gestão da força de trabalho (Coordenada pelo TSE), processo de elaboração da folha de pagamento, processo de governança, gestão, riscos e controles de TIC (coordenada pelo CNJ) e auditoria de gestão – Tribunal de Contas da União. Com foco na sustentabilidade, e em conformidade com as diretrizes estabelecidas na Resolução CNJ nº 201/2015, e Resolução TSE nº 23.474/2016, instituiu-se no âmbito do TRE/PI a Comissão Gestora do Plano de Logística Sustentável, bem como a criação do Núcleo Socioambiental TREciclar, regulamentados por intermédio da Portaria TRE-PI n° 237/2016”.

Alinhado às melhores práticas de acessibilidade, este o TRE-PI ainda no exercício de 2018, executou ações de melhoria nesta área em 10 (dez) cartórios eleitorais, com a instalação de piso podotátil, barras de apoio e eliminação de degraus e desníveis. Além disso, o sítio eletrônico do TRE-PI está em plena harmonia com os critérios de acessibilidade definidos na legislação aplicável, aos padrões definidos pelo W3C (World Wide Web Consortium) e ao e-MAG (Modelo de Acessibilidade em Governo Eletrônico).

“É importante deixar registrado que a Justiça Eleitoral do Piauí, no exercício em questão, deu início conforme dispõe a Resolução 356/2017, à institucionalização de sua Política de Segurança da Informação, por meio da constituição do Comitê de Segurança da Informação e da Equipe de Tratamento a Incidentes de Redes de Computadores (ETIR), responsável pela avaliação dos incidentes decorrentes de falhas de segurança”, finalizou o Desembargador Francisco Antônio Paes Landim Filho.

O Relatório de Gestão do TRE-PI foi elaborado pela equipe da Assessoria de Planejamento (Asplan) do Tribunal Regional Eleitoral do Piauí (TRE-PI).

RELATÓRIO DE GESTÃO 2018 - TRE-PI.pdf

FONTE: Com informações da Assessoria

Comentários (0)

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Nome:
mensagem:
Notícias relacionadas
MP-PI denuncia cervejaria por objeto estranho em dentro de vasilhame
MP-PI denuncia cervejaria por objeto estranho em dentro de vasilhame
Justiça Federal condena ex-prefeito de Barras e suspende direitos políticos
Justiça Federal condena ex-prefeito de Barras e suspende direitos políticos
Advogada alerta para números alarmantes de feminicídios no Piauí
Advogada alerta para números alarmantes de feminicídios no Piauí
Decisão liminar suspende atuação da torcida Esporão do Galo, do River
Decisão liminar suspende atuação da torcida Esporão do Galo, do River