Coluna Gustavo Almeida Política Dinâmica
CRÍTICA
“O PIAUÍ NÃO É UMA ALDEIA”

ELMANO ASSEGURA QUE VAI CONTINUAR SE OPONDO À REELEIÇÃO DE WELLINGTON DIAS E AFIRMA QUE MODELO DO PETISTA TEM QUE SER COMBATIDO

25/07/2018 13:32 - Atualizado em 25/07/2018 13:48

Senador faz duras críticas à gestão de W. Dias (Foto: Jailson Soares/PoliticaDinamica.com)

Ao anunciar a desistência de disputar o governo do Piauí nesta quarta-feira (25), o senador Elmano Férrer (Podemos) fez questão de afirmar que jamais apoiará a reeleição do governador Wellington Dias (PT) porque não compactua com a atual situação do estado.

Em visível tom de lamento e desabafo, o senador disse que tentou fazer sua parte para tirar o Piauí do caos. Indignado, ele falou que o Piauí não é uma aldeia e que o modelo de gestão de Wellington Dias (PT) precisa ser urgentemente combatido.

"Eu fiz a minha parte. Tenho convicção. Não me omiti nesse processo. Eu não me conformo com a situação em que nós estamos. Isso não é uma aldeia. O estado do Piauí não é uma aldeia. É um estado fantástico, rico, mas de um povo pobre. Já tem gente aí [do governo] se preparando para 2022", falou o senador.

Elmano atribuiu sua desistência à ação de forças ocultas que, segundo ele, trabalham para manter o Piauí mergulhado na pobreza e no atraso. O senador ainda não decidiu quem vai apoiar para governador e informou que a decisão será tomada em conjunto com os partidos que estavam apoiando a pré-candidatura dele. Só há uma certeza: não será Wellington.

Comentários (0)

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Nome:
mensagem:
Notícias relacionadas
ELEIÇÕES
ACABAR X MANTER
ACABAR X MANTER
CRÍTICA
VEREADOR DIZ QUE FIRMINO DEU CALOTE EM MORADORES
VEREADOR DIZ QUE FIRMINO DEU CALOTE EM MORADORES
TOPIQUE
CPI DO TRANSPORTE ESCOLAR
CPI DO TRANSPORTE ESCOLAR
ATRITO
JEOVÁ DIZ QUE CÂMARA FOI EXCLUÍDA DE CELEBRAÇÕES
JEOVÁ DIZ QUE CÂMARA FOI EXCLUÍDA DE CELEBRAÇÕES