Coluna Gustavo Almeida Política Dinâmica
OPINIÃO
DE REPENTE, OS BONS SAMARITANOS

PARTIDOS QUE PASSARAM OS ÚLTIMOS ANOS SENDO PARTE DO INCHAÇO DA MÁQUINA PÚBLICA NO PIAUÍ AGORA COBRAM REDUÇÃO DA ESTRUTURA ADMINISTRATIVA

09/11/2018 07:43 - Atualizado em 09/11/2018 08:16

Progressistas de Ciro e MDB de Marcelo agora propõem redução da máquina (Foto: Gustavo Almeida/PoliticaDinamica.com)

Nos últimos dias, um dos assuntos mais comentados na cena política piauiense tem sido a entrega de cartas. Partidos que estiveram na base do governo de Wellington Dias (PT) decidiram elaborar documentos propondo mudanças de postura na próxima gestão do petista. Primeiro foi o Progressistas, do senador Ciro Nogueira. Depois, o MDB e sua turma.

As duas agremiações querem que o governador Wellington Dias enxugue a máquina pública estadual, reduza custos e faça uma gestão eficiente. Os partidos reconhecem um inchaço na estrutura administrativa e alertam que a crise financeira do país pode se agravar. Mas quem vê esses partidos propondo a redução do governo e querendo acabar com o inchaço da máquina não imagina que eles próprios são o inchaço. Fazem parte do edema.

Passaram os últimos anos inchando o governo ao aceitarem cargos e tudo mais. Não estavam nem um pouco preocupados com o inchaço que todo mundo estava vendo. Agora, passadas as eleições e com seus figurões eleitos, dão uma de bons samaritanos. Ora, a crise já existia quando MDB e Progressistas se deleitavam na sombra do governo de Wellington Dias. Muitos cidadãos condenavam o inchaço e eles, ajudando a inchar, faziam ouvidos de mercador.

Ele teve apoio de MDB e PP p/ inchar o estado (Foto:Gustavo Almeida/PoliticaDinamica)

Quando Wellington Dias criou nove coordenadorias de serventia contestada, o MDB caiu pra dentro e abocanhou algumas delas. O Progressistas, por sua vez, não mandou nenhum rabisco para a caixinha de Correio do Palácio de Karnak alertando que aquilo estava inchando o estado. E não adianta dizer que a situação era diferente. Naquele tempo já existia crise e todo mundo via. Na Assembleia, a massacrada oposição bradava em vão.

MDB e Progressistas pedirem para que o governador reduza o tamanho da máquina é o mesmo que um bêbado, após uma noite inteira enchendo a cara, pedir para o dono do bar limitar a venda de bebida pelo bem de todos os cachaceiros. É muito estranho que essa compaixão pela saúde administrativa do combalido Piauí só tenha se revelado agora, quando na verdade o estado pede socorro há um bom tempo. MDB e Progressistas ajudaram a causar o inchaço e agora se apresentam como enfermeiros dispostos a tratar o edema.

É verdade que pior do que errar, é insistir no erro. Antes tarde do que nunca! Mas não se pode deixar passar em branco que um governo foi rateado para o deleite de diversos partidos num momento de crise e só agora esse pessoal resolveu "tomar consciência". Jogam toda a responsabilidade do inchaço nas costas do governador. Ele é, de fato, o maior culpado, mas inchou o estado com gente que aceitou ser matéria-prima do inchaço.

Antes era só alegria, agora vem as cartas (Foto: Gustavo Almeida/PoliticaDinamica)

Alguns usam a tática de dizer que reduzir custos é o desafio do momento não só no Piauí, mas em todo o Brasil, e por isso a necessidade dessa mudança de postura. Ocorre que esse desafio não é de agora. Aqui e em muitos lugares, essa necessidade já vem de algum tempo. Ou esses bons samaritanos não queriam ver a realidade antes ou então resolveram incorporar o Rubinho Barrichello, chegando atrasados numa pauta já detectada antes.

De todo modo, é importante que o governador Wellington, eleito pela quarta vez em primeiro turno, com expressiva votação, mude de postura no seu próximo governo. E que essas figuras que perceberam a existência da crise só depois de 7 de outubro também mudem suas posturas e seus hábitos. Comecem indo a um oftalmologista para tratar a visão e conseguir enxergar manchas, hematomas e até inchaços com mais facilidade. Hoje e sempre.

Comentários (209)

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Nome:
mensagem:
Notícias relacionadas
REGULAMENTAÇÃO
FIRMINO CONDENA MENTIRAS CONTRA PL DO UBER
FIRMINO CONDENA MENTIRAS CONTRA PL DO UBER
ALFINETADA
PARA CIRO, MDB QUER O IMPOSSÍVEL
PARA CIRO, MDB QUER O IMPOSSÍVEL
ASSEMBLEIA
“SE TIVER DISPUTA, HAVERÁ RANHURAS”, AVISA CASTRO
“SE TIVER DISPUTA, HAVERÁ RANHURAS”, AVISA CASTRO
DISPUTA NA BASE
CIRO DIZ QUE HÉLIO É O CANDIDATO DA BASE
CIRO DIZ QUE HÉLIO É O CANDIDATO DA BASE