TERÁ SIDO TUDO TEATRO?

MPPI PODE INTERDITAR PRINCIPAL ESPAÇO DE CULTURA DE TERESINA E PÕE EM XEQUE A GESTÃO DE FÁBIO NOVO NA SECULT

Marcos Melo Marcos Melo
26/11/2020 16:47

Fábio Novo não conseguiu resolver problemas de segurança do Teatro 4 de Setembro durante sua gestão (foto: Jailson Soares | PoliticaDinamica.com)

Ter feito o que ninguém fez pela Cultura do Estado do Piauí foi o alicerce que segurou os argumentos do deputado Fábio Novo (PT) durante a sua campanha para prefeito de Teresina. Mas ao que parece, um detalhe foi omitido de todos os discursos feitos por ele: durante toda a sua gestão, o Teatro 4 de Setembro – a principal referência em espaço de cultura do Piauí – esteve funcionando em desacordo com as normas de segurança. E está prestes a ser interditado por este motivo.

Em 2019, Fábio Novo garantiu ao Ministério Público que as questões relativas à segurança do local estavam resolvidas. Mas segundo Carlos Anchieta – atual secretário de Cultura do Piauí –, procedimentos para ajustar o prédio do T4S às normas de segurança estão parcialmente em andamento. Pelo menos foi o que ele informou à Procuradoria-Geral do Estado no último dia 13 de novembro, sexta-feira antes do primeiro turno das eleições. Mangueiras estariam sendo remendadas e extintores de incêndio reabastecidos e recolocados nos lugares devidos. Nada além disso foi dito.

A documentação completa está ao final da matéria.

Em 2016, o problema era a transição da antiga FUNDAC para SECULT; em 2017, o problema foi empurrado para a gestão do teatro; em 2018, o problema estava em documentações da SEMAR; e em 2019 o problema estaria resolvido... mas não estava (imagens: reprodução)

A manifestação do substituto de Fábio Novo na pasta se deu em resposta a um ofício da PGE que começa com a seguinte palavra em negrito: URGENTE!

E a urgência se explica pelo fato de que o Ministério Público do Estado do Piauí tenta fazer com que o Teatro 4 de Setembro atenda as normas de segurança desde 2009. É, desde o segundo mandato de Wellington Dias, e olha que o governador já está na metade de sua quarta gestão.

E nos últimos 4 anos e meio, esse equipamento de cultura era responsabilidade de Fábio Novo.

O MPPI quer que o T4S seja interditado até que a Secretaria de Cultura faça sua parte. Mas segundo a SECULT, esse pedido nem precisaria ser feito, pois os protocolos de combate à pandemia de Covid-19 já impedem o funcionamento do teatro.

O coronavírus é desculpa para tudo.

Veja todos os documentos do caso clicando abaixo.

Documentação Teatro 4 de Setembro - SEI_00003.004310_2020_25.pdf

Comente!

ANTERIOR

ACABOU A GRATIFICAÇÃO

PRÓXIMA

A GRANDE FARSA