COCAL DE TELHA: KARYNE 64,00%, DR. MARCOS 19,14%

PESQUISA DO INSTITUTO CREDIBILIDADE APONTA QUE VEREADORA DO PROGRESSISTAS LIDERA DISPUTA COM FOLGA PELA PREFEITURA DO MUNICÍPIO

Gustavo Almeida Gustavo Almeida
11/09/2020 13:00 - Atualizado em 11/09/2020 14:28

Karyne lidera intenções de voto com folga em Cocal de Telha (Fotos: Redes Sociais)

A vereadora Karyne do Rodrigão lidera com folga as intenções de voto na corrida eleitoral pela prefeitura de Cocal de Telha, município no Norte do Piauí, a 120 km de Teresina. 

De acordo com pesquisa do Instituto Credibilidade divulgada nesta sexta-feira (11), Karyne (Progressistas) tem 64,00% das intenções de voto no levantamento estimulado, quando o entrevistador cita os nomes dos pré-candidatos. O segundo colocado é o dentista Dr. Marcos (PSB), com 19,14%.  

Nenhum, nulo e branco somam 1,71% e os que não sabem totalizam 15,14%.

DR MARCOS É O MAIS REJEITADO

O Instituto Credibilidade também quis saber dos eleitores de Cocal de Telha em quem eles não votariam de jeito nenhum para prefeito do município nas eleições deste ano. Nesse cenário, foram apresentados os nomes de Karyne e de Dr. Marcos. 

Quem lidera a rejeição é Dr. Marcos, com 25,14%. Karyne é rejeitada por 10,57%. Nenhum, nulo e branco somam 26,00% e os que não sabem ou não opinaram são 38,29%.

58% ACREDITAM NA VITÓRIA DE KARINE

A pesquisa também perguntou aos eleitores de Cocal de Telha quem eles acham que vai ganhar a eleição, independentemente de ser o candidato de preferência deles ou não.

Nesse cenário, Karyne também aparece com ampla vantagem. Conforme a pesquisa, 58,0% acreditam que ela é quem vai vencer a disputa. Somente 6,86% acham que Dr. Marcos será o vitorioso. Outros 34,00% não souberam ou não opinaram e 1,14% respondeu nenhum.

FICHA TÉCNICA

A pesquisa do Instituto Credibilidade foi registrada no TSE com o número PI-01453/2020. O levantamento ouviu 350 eleitores nas zonas rural e urbana de Cocal de Telha nos dias  5 e 6 de setembro de 2020. O grau de confiança é de 95%. A margem de erro é de 5,02%.

Comente!

ANTERIOR

UM ESPETÁCULO! PORÉM, INTERDITADO...

PRÓXIMA

TERÁ SIDO TUDO TEATRO?