Coluna Lídia Brito Política Dinâmica
BATE-BOCA NA ALEPI

DEPUTADO DE OPOSIÇÃO, ROBERT RIOS FEZ QUESTÃO DE PROTESTAR EM PLENÁRIO LEVANDO PIXULECO PARA A SESSÃO

17/03/2016 12:20 - Atualizado em 17/03/2016 13:02

FOTOS: Jailson Soares/Política Dinâmica

O deputado Robert Rios (PDT) desafiou o presidente da Assembleia Legislativa, Themístocles Filho (PMDB), e levou ao plenário da Casa os bonecos do ex-presidente Lula (PT) como presidiário e da presidente Dilma Rousseff (PT). A atitude do parlamentar revoltou os deputados do PT e causou bate-boca na sessão.

Robert decidiu entrar com os bonecos no plenário, depois que a polícia responsável pela segurança da Assembleia, impediu a líder do movimento “Vem Pra Rua”, Adriana Sousa, de entrar com os bonecos no local. Robert posou para os fotógrafos e Themístocles não escondeu a insatisfação.

“Eu não sou mais candidato a nada. Só não renuncio agora porque devo uma explicação para o povo que votou em mim. Estou enojado com a política. O Congresso virou um mar de lama, o Executivo também. A última esperança é o judiciário. Nenhum político pode salvar o Brasil, todos estão envolvidos na Lava Jato”, declarou.

A deputada Flora Izabel (PT) saiu em defesa do PT e acusou o deputado de tentar se promover com a situação. Flora ameaçou comparecer ao plenário nos próximos dias com os bonecos do senador Aécio Neves (PSDB) e do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB). Sem citar nomes, ela afirmou que também irá fazer um pixuleco de um ex-governador do Piauí.

“Nós sempre combatemos o bom combate nessa Casa e agora o deputado faz essa provocação. Havia um acordo nesta Casa para que esse tipo de manifestação não ocorresse. Se for assim, na segunda-feira irei aparecer aqui com o pixuleco do FHC e do Aécio Neves e de um ex-governador do Estado. Todos são citados em escândalos de corrupção”, declarou.

Robert Rios se defendeu dizendo que possui o direito de se manifestar e acusou a assessoria do deputado Temístocles de barrar a entrada das pessoas ligadas ao movimento “Vem Pra Rua”. Sem esconder a insatisfação com a atitude de Rios, Themístocles afirmou que não sabia de nada porque estava na sessão.

“Se a minha assessoria fez isso não estou sabendo de nada. Eu estava aqui na sessão. Não tenho como saber o que ocorre lá fora”, declarou. 

Notícias relacionadas
WELLINGTON ACEITA SUGESTÃO DE CIRO DE FAZER PESQUISA PARA DEFINIR VICE
WELLINGTON ACEITA SUGESTÃO DE CIRO DE FAZER PESQUISA PARA DEFINIR VICE
GOVERNO TEM PRESSA NA FORMAÇÃO DAS COMISSÕES
GOVERNO TEM PRESSA NA FORMAÇÃO DAS COMISSÕES
“MAIORES PARTIDOS DEVEM FICAR COM AS VAGAS MAJORITÁRIAS”, DIZ MARCELO CASTRO
“MAIORES PARTIDOS DEVEM FICAR COM AS VAGAS MAJORITÁRIAS”, DIZ MARCELO CASTRO
“É CHOVER NO MOLHADO”, DIZ FIRMINO SOBRE DECLARAÇÕES DE JEOVÁ
“É CHOVER NO MOLHADO”, DIZ FIRMINO SOBRE DECLARAÇÕES DE JEOVÁ