Coluna Justiça Dinâmica Política Dinâmica
TSE cassa vereadores por uso de verba da cota feminina por homens

TRIBUNAL EXAMINA PELA PRIMEIRA VEZ ESTE TIPO DE DESVIO DE RECURSOS EM UMA ELEIÇÃO E JÁ SE PREPARA PARA 2020

16/08/2019 09:36

De forma unânime, o Plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) manteve as cassações dos diplomas dos vereadores Jalusa Fernandes de Souza (PP) e Afrânio Vasconcelos da Vara (PP) de Rosário do Sul (RS).

Ambos perderam seus mandatos por uso ilícito de verbas do Fundo Partidário. Jalusa repassou parte dos recursos recebidos por ela a título de promoção de candidaturas femininas para candidatos do sexo masculino. Um dos beneficiados foi Afrânio Vasconcelos. Foi o primeiro julgamento em que o TSE examinou esse tipo de desvio.

A decisão dos ministros do TSE confirmou o entendimento do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Sul (TRE-RS), que constatou que, de um total de R$ 20 mil do Fundo Partidário recebido por Jalusa Fernandes, R$ 10 mil foram repassados a um candidato a prefeito e R$ 2 mil a Afrânio Vasconcelos da Vara.

Ao negar os recursos ajuizados pelos vereadores, o ministro relator do caso, Luís Roberto Barroso, afirmou que o percentual mínimo de 5% de recursos do Fundo Partidário para financiar candidaturas femininas é uma importante ação afirmativa.

O magistrado também afirmou que o TRE-RS atestou a gravidade da conduta praticada pelos candidatos eleitos ao entender que ficou configurado o uso indevido por candidatura masculina de receita destinada à campanha feminina.


FONTE: Com informações do Conjur

Comentários (0)

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Nome:
mensagem:
Notícias relacionadas
Planejamento e gestão compartilhada elevam nível de eficiência do TJ-PI
Planejamento e gestão compartilhada elevam nível de eficiência do TJ-PI
Réu é condenado a 24 anos de prisão por homicídio triplamente qualificado
Réu é condenado a 24 anos de prisão por homicídio triplamente qualificado
ARTIGO: A URGÊNCIA DA REFORMA TRIBUTÁRIA
ARTIGO: A URGÊNCIA DA REFORMA TRIBUTÁRIA
ANACRIM realiza 1º Encontro da Advocacia Criminal dia 11 de outubro
ANACRIM realiza 1º Encontro da Advocacia Criminal dia 11 de outubro