Coluna Justiça Dinâmica Política Dinâmica
Justiça determina mudança do nome de pessoa viva em prédio do CRC/PI

SEGUNDO DECISÃO DA 5ª VARA FEDERAL, USO DE NOME DE PESSOAS VIVAS EM BENS PÚBLICOS FERE PRINCÍPIOS CONSTITUCIONAIS

10/09/2019 17:17 - Atualizado em 10/09/2019 17:28


A pedido do Ministério Público Federal (MPF) no Piauí, a 5ª Vara da Justiça Federal concedeu liminar em ação civil pública instaurada contra o Conselho Regional de Contabilidade do Piauí (CRC/PI), que violou o art. 1º, da Lei 6454/77, que veda a atribuição de nome de prédios públicos em homenagem a pessoas vivas e fere os princípios constitucionais da impessoalidade, moralidade e legalidade.

De acordo com a ação civil pública de Nº 1003252-90.2019.4.01.4000, de autoria do procurador da República Leonardo Carvalho Cavalcante de Oliveira, no dia 12/12/2018, o Conselho Regional de Contabilidade do Estado do Piauí (CRC/PI) reinaugurou sua sede que funciona na Avenida Pedro Freitas, no bairro Vermelha, zona Sul de Teresina, nomeando a Casa Contábil, para fins de homenagem, com o nome do ex-presidente do Conselho Federal de Contabilidade, José Martonio Alves Coelho, pessoa viva, ferindo a Lei nº 6.454/77 que proíbe, em todo território nacional, atribuir nome de pessoa viva a bem público de qualquer natureza.

Na decisão liminar, o Juízo da 5ª Vara Federal julgou procedente o pedido do MPF e determinou que o Conselho Regional de Contabilidade do Piauí (CRC/PI) altere, em até trinta dias, o nome do prédio público onde funcionava a sua sede, evitando-se a atribuição de nome de pessoa viva. A alteração deve ocorrer em fachadas, assentamentos oficiais e atos oficiais em geral, além de mídias sociais. Tendo sido fixada multa no valor de R$10.000,00 em caso de descumprimento.

Ação Civil Pública Nº 1003252-90.2019.4.01.4000


FONTE: Com informações da Assessoria


Comentários (0)

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Nome:
mensagem:
Notícias relacionadas
João Viana assume presidência da Asconpepi para biênio 2020/2021
João Viana assume presidência da Asconpepi para biênio 2020/2021
'MP 905 favorece empresários, mas requer cautela', afirma advogado
'MP 905 favorece empresários, mas requer cautela', afirma advogado
TCE detecta descumprimento da carga horária em escolas do Piauí
TCE detecta descumprimento da carga horária em escolas do Piauí
Evento vai debater atuação das mulheres na campanha eleitoral