Coluna Justiça Dinâmica Política Dinâmica
DPE apura responsabilidade em tragédia em Teresina

SUBDEFENSORA CARLA YÁSCAR ACOMPANHA PROCEDIMENTO INSTAURADO PARA APURAR CASO DO PARQUE RODOVIÁRIO

22/04/2019 06:56 - Atualizado em 22/04/2019 11:15

Caso exista um responsável pela enxurrada que acabou destruindo várias casas no Parque Rodoviário em Teresina e até fazendo vítima fatal este não deverá ficar impune. É o que garante a Defensoria Pública do Estado, que acompanha o caso de perto.

De acordo com a Subdefensora Pública Geral Carla Yáscar, em entrevista à TV Meio Norte, ainda não é possível saber de quem é a responsabilidade pelo fato, mas que estão trabalhando no caso.

"Ainda não foi identificado o responsável, isso vai ser apurado no Procedimento de Apuração de Danos Coletivos instaurado pela Defensoria Pública e ao longo do acompanhamento é que vamos colher dados suficientes para chegar a esta conclusão. A Defensoria Pública já instaurou o procedimento para apurar danos coletivos, que pode resultar na indenização destas famílias atingidas", explicou a Subdefensora Pública.


FONTE: Com informações da TV Meio Norte

Comentários (0)

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Nome:
mensagem:
Notícias relacionadas
OAB suspende cronograma do XXXII e XXXIII Exame de Ordem 2020
OAB suspende cronograma do XXXII e XXXIII Exame de Ordem 2020
Recomendação do MPT prevê higienização de restaurantes a cada 3h
Recomendação do MPT prevê higienização de restaurantes a cada 3h
Juiz Aderson Nogueira determina reabertura de 19 CRAS em Teresina
Juiz Aderson Nogueira determina reabertura de 19 CRAS em Teresina
Justiça do Piauí proíbe carreatas e atos que descumpram políticas de isolamento
Justiça do Piauí proíbe carreatas e atos que descumpram políticas de isolamento