Coluna Justiça Dinâmica Política Dinâmica
Advogada explica efeitos práticos da cassação dos vereadores em Valença-PI

GEÓRGIA NUNES EXPLICA QUE SUPLENTES DEVEM ASSUMIR VAGAS E DESTACA QUE DECISÃO SERVIRÁ DE PRECEDENTE QUANTO AO TEMA

18/09/2019 16:28 - Atualizado em 18/09/2019 17:01

Em sessão plenária ontem (17/0) o Tribunal Superior Eleitoral manteve a cassação de seis vereadores da cidade de Valença do Piauí, acusados de se beneficiar de candidaturas fictícias (laranjas) de mulheres, que não chegaram sequer a fazer campanha.

Para entender os efeitos práticos desta decisão, o Justiça Dinâmica ouviu a advogada eleitoralista Geórgia Nunes, que fez uma análise da decisão do TSE, destacando como deve ficar o Legislativo Municipal de Valença do Piauí após o resultado.

"A decisão de ontem era bastante esperada uma vez que servirá de precedente para diversos processos da mesma natureza, que estão suspensos aguardando esta decisão. Foi um placar apertado e mostra que o tema é bem complexo e requer bastante discussão. Ela vem também confirmar o entendimento do TRE-PI em relação a este caso. Como consequência desta decisão temos a anulação de todos os votos das duas coligações que fraudaram o registro de suas candidaturas com estas candidatas laranjas", explicou Geórgia Nunes

EFEITOS DA ANULAÇÃO
Com esta anulação, evidencia a advogada, deverá ser feito novo cálculo das cadeiras pelas demais coligações, sendo as cadeiras novamente distribuídas somente entre as outras coligações.

SUPLENTES ASSUMEM
"Neste caso, os suplentes destas coligações que disputaram o pleito e que não lograram êxito em virtude dos votos atribuídos às chapas fraudadoras devem assumir as vagas", explica Geórgia Nunes.

CABE RECURSO
A eleitoralista comentou que contra esta decisão do TSE cabe recurso de Embargos de Declaração junto ao próprio Tribunal, porém, sem efeito suspensivo.

"Pode também haver a interposição de recurso junto ao STF, inclusive, com pedido de antecipação de tutela para que eventualmente se suspenda este afastamento dos parlamentares, o que não é possível, ainda, prevê se será deferido ou não. No entanto, em si observando os últimos precedentes do Tribunal em casos de cassações de diplomas, o cumprimento da decisão deve ser imediato", assinalou Geórgia Nunes.

Notícias relacionadas
OAB aciona CNJ para retomada facultativa das audiências de instrução
OAB aciona CNJ para retomada facultativa das audiências de instrução
Justiça nega pedido para abertura de academias, barbearias e salões
Justiça nega pedido para abertura de academias, barbearias e salões
Município não é obrigado a criar cargos de advocacia pública; entenda
Município não é obrigado a criar cargos de advocacia pública; entenda
MPPI cobra assistência aos venezuelanos que moram em Teresina
MPPI cobra assistência aos venezuelanos que moram em Teresina