Coluna Gustavo Almeida Política Dinâmica
NA CÂMARA
STANLEY FAZ PRIMEIRO DISCURSO E DENUNCIA DESCASO

EM SEU PRIMEIRO PRONUNCIAMENTO, VEREADOR AFIRMA QUE GOVERNO ESTADUAL ESTÁ HÁ SEIS MESES SEM FORNECER MEDICAMENTOS PARA PACIENTES RENAIS

11/04/2019 14:37 - Atualizado em 11/04/2019 15:03

Stanley durante discurso na Câmara de Teresina (Foto: Reprodução/CAM TV)

O vereador Stanley Freire (PR) fez nesta quinta-feira (11) o seu primeiro discurso na tribuna da Câmara Municipal de Teresina. Ele assumiu o mandato no último dia 2 após a saída de Caio Bucar (PRTB) para a presidência da Empresa Teresinense de Desenvolvimento Urbano (Eturb). No primeiro pronunciamento, o jovem vereador de 27 anos denunciou a falta de medicamentos para pacientes renais na Farmácia Popular do estado do Piauí.

Stanley lembrou que é um paciente renal e sabe as dificuldades enfrentadas por essa parcela da sociedade. Ele lembrou que graças à condição financeira que possui consegue comprar os medicamentos, mas milhares de piauienses não têm a mesma condição e podem morrer a qualquer momento se o Governo Estadual não tomar alguma providência.

"Eu trouxe à tribuna da Câmara uma denúncia grave sobre os medicamentos dos pacientes renais que estão com seis meses em atraso. É um absurdo isso aí. Eu sou um paciente renal e falo com conhecimento próprio. Eu tenho condição de comprar a medicação, mas aqueles milhares de pacientes de todo o Piauí não têm condições de comprar. E aí como fica? Eles vão esperar a morte?", questionou o vereador.

Segundo Stanley, o presidente da Associação dos Pacientes Renais do Piauí já denunciou a situação Ministério Público do Estado (MP-PI). Segundo o vereador, a resposta da Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) é que estão aguardando uma licitação. A justificativa, no entanto, não convence o parlamentar, que cobra do governador urgência na resolução do problema.

Vereador denuncia descaso com pacientes (Foto: Jailson Soares/PoliticaDinamica.com)

"Eles vão esperar algum paciente morrer para que dê certo a licitação? O governador precisa conversar com o secretário de saúde e ver o que pode fazer. O que não pode é os pacientes renais deixarem de tomar suas medicações e serem prejudicados por causa de um erro do secretário de saúde. Alguns pacientes estão há seis meses sem tomar a medicação", falou

METADE DA CÂMARA PEDIU APARTE
O discurso de Stanley Freire foi ouvido com atenção por todos os vereadores que estavam no plenário. Pelo fato de ser o primeiro pronunciamento, os colegas pararam para ouvi-lo. Apesar disso, foi o tema levado à tribuna que prendeu a atenção dos demais parlamentares. Diante dos relatos feitos por Stanley, 14 vereadores pediram aparte ao discurso dele.

Todos os pares parabenizaram o novo vereador pela postura ao discursar e a maioria deles condenou o descaso da gestão estadual com os pacientes renais. O vereador Luiz Lobão (MDB), médico e presidente da Comissão de Saúde da Câmara de Teresina, destacou que Stanley levava à tribuna um tema de extrema relevância e criticou a gestão estadual.

"Eu votei no governador Wellington Dias e no prefeito Firmino Filho, porque acho que são dois grandes líderes. Mas faço uma crítica à gestão estadual. Esse secretário de saúde não é de hoje que vem se fazendo críticas e não se tem uma resposta à altura", afirmou Lobão.

OUTRO LADO
O Política Dinâmica procurou o governo do Piauí para comentar os fatos denunciados na tribuna da Câmara pelo vereador Stanley Freire. No entanto, até a publicação desta matéria nenhum posicionamento foi enviado pela Coordenadoria de Comunicação Social do governo.

Comentários (0)

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Nome:
mensagem:
Notícias relacionadas
CORRENTE
POLITICAGEM NA EXPOSIÇÃO
POLITICAGEM NA EXPOSIÇÃO
PARTIDO
MAIS ESPAÇOS NO GOVERNO
MAIS ESPAÇOS NO GOVERNO
MUDANÇA
JOAQUIM DO ARROZ ANUNCIA DESFILIAÇÃO DO PRP
JOAQUIM DO ARROZ ANUNCIA DESFILIAÇÃO DO PRP
ATRITO
PEGOU OU NÃO PEGOU CARONA NO PROJETO?
PEGOU OU NÃO PEGOU CARONA NO PROJETO?