Coluna Gustavo Almeida Política Dinâmica
SEM PREVISÃO, SEM TRATATIVAS E SÓ AGUARDANDO

SUPLENTES DA COLIGAÇÃO GOVERNISTA AGUARDAM OPORTUNIDADE DE PODEREM RETORNAR À ASSEMBLEIA, MAS ADMITEM NÃO HAVER PREVISÃO

14/10/2019 16:14 - Atualizado em 14/10/2019 16:38

B. Sá Filho vive expectativa de poder voltar (Foto: Jailson Soares/PoliticaDinamica.com)

Os suplentes surpreendidos em setembro com a volta dos seis deputados titulares para a Assembleia Legislativa do Piauí seguem esperando a chance de voltarem ao parlamento estadual. Nesta segunda-feira (14), o suplente B. Sá Filho (Progressistas) falou com jornalistas e disse que até agora não foi dada nenhuma previsão de quando eles podem voltar.

Dos suplentes afetados com a situação, ele é um dos poucos que tem andado na Assembleia desde que os titulares voltaram aos mandatos sem avisar, pegando todos de surpresa.

"Nenhuma previsão, nenhuma tratativa. Até agora eu não fui comunicado de nada e estamos aguardando. A gente deseja voltar o quanto antes. A expectativa nossa é que eles resolvam e a gente possa dar continuidade ao nosso trabalho. O motivo alegado por eles é que haveria a votação dos empréstimos e agora a do orçamento", comentou o político.

Perguntado se acredita que o governador está interferindo na questão, ele disse que não sabe. Ele também afirmou que não sabe se poderão voltar aos mandatos ainda esse ano. Diferente do que a maioria dos suplentes revela nos bastidores, B. Sá disse que acredita na justificativa dada pelos titulares para o polêmico retorno à Assembleia.

"Eu acredito que sim [que eles voltaram para votar o orçamento e os empréstimos]. Eu confio neles. A nossa relação é próxima e muito boa com todos. Então, eu não acredito que exista algo por trás disso tudo", falou o político que é primeiro suplente da coligação governista.

Notícias relacionadas
NÃO COLOU
NÃO COLOU
EMPRESÁRIOS FAZEM MANIFESTAÇÃO PELA REABERTURA DO COMÉRCIO
EMPRESÁRIOS FAZEM MANIFESTAÇÃO PELA REABERTURA DO COMÉRCIO
"LIBERDADE DE IMPRENSA NÃO É CONSTRUÍDA POR ROBÔS"
PREFEITO DECRETA LOCKDOWN EM CIDADE DO PIAUÍ
PREFEITO DECRETA LOCKDOWN EM CIDADE DO PIAUÍ