Coluna Gustavo Almeida Política Dinâmica
FORTALECENDO
PSD ENGORDA 72%

PREFEITOS DE NOVE PARTIDOS DIFERENTES VÃO SE FILIAR AO PSD NESTA SEGUNDA-FEIRA (11); PSB É QUE O MAIS VAI PERDER GESTORES PARA A LEGENDA

10/03/2019 21:28 - Atualizado em 10/03/2019 23:30

PSD de Georgiano e Júlio César se fortalece (Foto: Divulgação/Assessoria)

O PSD, partido presidido no Piauí pelo deputado federal Júlio César Lima, vai aumentar em 72% a quantidade de prefeitos no Estado. No evento de filiação marcado para às 9h desta segunda-feira (11) no Cine Teatro da Assembleia Legislativa, 16 gestores municipais vão assinar a ficha e passarão a fazer parte dos quadros do partido.

Atualmente, o PSD possui 22 prefeitos no Piauí. Com a chegada de mais 16, o crescimento chega a 72%, o que fará da legenda uma das campeãs em número de prefeituras. No evento de filiação, nove partidos diferentes vão perder gestores para o PSD, entre eles PT, Progressistas e PTB, legendas que compõem a base do governador Wellington Dias (PT). Dois petistas e dois progressistas estão entre os novos filiados.

No entanto, o partido que mais vai perder gestores para o PSD é o PSB. Quatro prefeitos vão deixar as fileiras do partido e se filiarem à sigla comandada por Júlio César. Entre eles está Didiu, de Paulistana. Bastante ligado ao ex-governador Wilson Martins (PSB), o prefeito decidiu trocar de partido, mas assegura manter sua forte ligação com o ex-governador.

Além dos 16 prefeitos, o PSD também vai filiar três vice-prefeitos, um ex-prefeito e algumas lideranças que perderam disputas para prefeito nas eleições de 2016. Ao todo, está previsto algo em torno de 50 filiações no evento, que contará com a presença do presidente nacional do partido, o ex-ministro e ex-prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab.

REFORÇO NA CAPITAL
Entre as lideranças que assinam a ficha de filiação ao PSD nesta segunda-feira está a vereadora de Teresina, Cida Santiago, que se despede do PHS. Quem também passará a compor as trincheiras do PSD são os ex-vereadores de Teresina Tiago Vasconcelos e Ananias Carvalho. O líder político Idoneil Mesquita, que disputou um mandato de deputado federal em 2018 e teve quase 22 mil votos, também assina a ficha de filiação ao PSD.

Além deles, diversas outras lideranças da capital e do interior vão se filiar ao partido.

Comentários (0)

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Nome:
mensagem:
Notícias relacionadas
OPERAÇÃO
BOCA LIVRE: PF PEDIU PRISÕES, MAS JUSTIÇA NEGOU
BOCA LIVRE: PF PEDIU PRISÕES, MAS JUSTIÇA NEGOU
ESQUEMA
BOCA LIVRE: SERVIDORES RECEBERAM R$ 300 MIL
BOCA LIVRE: SERVIDORES RECEBERAM R$ 300 MIL
OPERAÇÃO
AÇÃO DA PF NA SEDUC; VEJA FOTOS
AÇÃO DA PF NA SEDUC; VEJA FOTOS
POLÍCIA FEDERAL
BOCA LIVRE: MAIS UMA NA SEDUC
BOCA LIVRE: MAIS UMA NA SEDUC