Coluna Gustavo Almeida Política Dinâmica
OPOSIÇÃO COBRA REAJUSTE DE 12,84% PARA PROFESSORES

LÍDER DA BANCADA OPOSICIONISTA NA ASSEMBLEIA COBRA DE WELLINGTON DIAS O MESMO REAJUSTE ANUNCIADO PELO GOVERNO FEDERAL

24/01/2020 09:40 - Atualizado em 24/01/2020 09:52

Líder da oposição ainda fez críticas ao governo (Foto: Jailson Soares/PoliticaDinamica.com)

O deputado estadual Gustavo Neiva (PSB) afirmou nesta quinta-feira (23) que a bancada da oposição estará ao lado do professores na cobrança para que o governo estadual repasse o mesmo percentual de reajuste do piso do magistério anunciado pelo governo federal. A categoria quer que o governador Wellington Dias (PT) conceda os mesmos 12,84%.

Em nota enviada ao Política Dinâmica esta semana, o governo disse que ainda vai discutir o assunto, mas adiantou que dará um reajuste “dentro das possibilidades do estado”.

Para Gustavo Neiva, o governo do Piauí deve valorizar o trabalho dos professores e dar o mesmo aumento de 12,84%. Ele argumenta que a gestão de Wellington Dias poderia ter cortado gorduras e reduzido gastos, o que não fez. Agora, sustenta o deputado, não é justo o governo deixar de repassar o aumento integral aos professores.

"A gente espera que o governo cumpra a lei. O governador deveria cortar gorduras que não cortou. Teve a reforma administrativa que ele ensaiou fazer e não fez, mandou mensagem para extinguir órgãos e não extinguiu, tem nomeação excessiva de cargos comissionados. Eu acho que o governador deveria economizar, tirar as gorduras e valorizar a educação", falou.

Neiva lembra que em 2019 o governo estadual já não cumpriu como deveria o reajuste e avisa que a oposição fará cobranças sobre o tema na Assembleia Legislativa do Piauí.

"Nós estaremos ao lado dos professores, porque entendemos que somente a educação transforma uma realidade e pode fazer com que o Estado cresça. Os professores têm direito a esse reajuste e nós estaremos aqui cobrando do governo que ele cumpra a legislação e dê na totalidade o reajuste a que eles têm direito", finalizou.

Notícias relacionadas
LUCIANO HANG RECEBEU AUXÍLIO EMERGENCIAL DE R$ 600, DIZ VEJA
LUCIANO HANG RECEBEU AUXÍLIO EMERGENCIAL DE R$ 600, DIZ VEJA
TEMPOS DE BELIGERÂNCIA
TEMPOS DE BELIGERÂNCIA
ADVERSÁRIOS REPUDIAM ATO CONTRA FIRMINO FILHO
ADVERSÁRIOS REPUDIAM ATO CONTRA FIRMINO FILHO
"ATITUDE VIL E COVARDE", DESABAFA FIRMINO