Coluna Gustavo Almeida Política Dinâmica
O CANTO ALVISSAREIRO DOS RASGA-MORTALHAS

ASSIS CARVALHO COMENTA TENTATIVAS DE ISOLAMENTO DO PT NO CONGRESSO E DIZ QUE A SIGLA NÃO SE ABATE COM DISCURSO DE OPOSITORES

12/02/2019 07:12 - Atualizado em 12/02/2019 07:27

Deputado diz que PT seguirá grande (Foto: Jailson Soares/PoliticaDinamica.com)

O deputado federal e presidente do PT no Piauí, Assis Carvalho, é categórico ao dizer que o seu partido continuará grande e crescendo, mesmo na oposição e sofrendo tentativas de isolamento. Ao comentar a perda de espaços da sigla no Congresso Nacional na formação das mesas diretoras da Câmara e do Senado e nas comissões técnicas das duas Casas, Assis afirmou que desde quando foi fundado o PT é alvo de ataques, mas continua forte.

"Esse discurso eu conheço desde o dia 10 de fevereiro de 1980. As aves de rapina todos os dias dizem que o PT acabou, que o PT morreu, que o PT não existe mais, que o PT está isolado. Nós estamos há 39 anos ouvindo este canto alvissareiro dos rasgas-mortalhas. Isso não nos preocupa e nossa luta continua. Sem sombra de dúvida, ninguém dialoga com a sociedade brasileira melhor que o PT", falou.

Para ele, é extremamente natural que um partido que deixa de ser governo e passa a ser oposição perca força, mas isso não significa que a grandeza da sigla vai diminuir ou que ela ficará isolada. Na visão de Assis, o partido sofre ataques desde sua fundação porque escolheu o lado dos pobres e não será a atual fase que mudará a história do PT.

"Essa é a nossa missão. Todos aqueles que fizeram uma opção pelos pobres a vida inteira pagaram um preço muito alto: Jesus Cristo, Gandhi, Luther King, Mandela, Lula. Nós somos apenas mais um porque é a nossa opção. Nossa opção é lutar pelos humildes", encerrou.

Comentários (2867)

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Nome:
mensagem: