Coluna Gustavo Almeida Política Dinâmica
“JUSTIÇA DO PIAUÍ AINDA TEM HOMENS SÉRIOS”, DESABAFA PREFEITA

CARMELITA CASTRO FALA SOBRE PROCESSO QUE PODE TIRÁ-LA DO CARGO, ADMITE PREOCUPAÇÃO, MAS GARANTE INOCÊNCIA E CONFIANÇA NA JUSTIÇA

20/02/2020 14:53 - Atualizado em 20/02/2020 15:31

Carmelita garante que está confiante (Foto: Jailson Soares/PoliticaDinamica.com)

A prefeita de São Raimundo Nonato, Carmelita Castro (Progressistas), admite preocupação com o processo que pode tirá-la do cargo, mas destaca que a Justiça do Piauí ainda tem homens sérios e diz que confia no Poder Judiciário. Em entrevista na quarta-feira (19) à FM Cultura, de São Raimundo, a gestora afirmou que estão fazendo terrorismo com o caso.

"Estou preocupada sim. Quem é acusado como eu fui e não se preocupa? Mas eu estou tranquila e quero aqui tranquilizar a população de São Raimundo, porque estão fazendo o maior terrorismo. Todo dia marcam data da minha cassação, já citam nomes de votos [de desembargadores] que tem contra mim. Minha gente, a Justiça do Piauí ainda tem homens sérios e eu acredito na Justiça do meu estado. Acredito primeiro em Deus e na minha inocência e também acredito na Justiça do meu estado.", falou a prefeita.

Carmelita disse que pessoas ligadas aos seus adversários cometeram crime ao se passarem por funcionários da Secretaria de Estado da Defesa Civil para colherem depoimentos gravados de moradores de São Raimundo. Esse, aliás, é um dos argumentos usados pela defesa da prefeita para tentar a nulidade das provas no processo. As gravações feitas por pessoas ligadas aos adversários de Carmelita foram periciadas pela Polícia Federal.

"O relato das pessoas é que eles estavam se passando por funcionários da Defesa Civil. Eles não são funcionários. Então como você vai ser condenado por um crime que outro cometeu? Porque o crime quem cometeu foram aqueles dois que saíram numa mentira provocando a população de São Raimundo a dizer algo contra mim. Mas volto a dizer: estou tranquila.".

Deputada Margarete está ajudando no caso (Foto: Reprodução/Facebook Margarete)

Carmelita informou que a deputada federal Margarete Coelho (Progressistas), irmã dela, está ajudando em sua defesa. Embora não tenha sido habilitada como advogada no processo, Margarete tem dado auxílio ao trabalho de outras advogadas. Ao mesmo tempo em que demonstra confiança e se diz inocente, Carmelita garante que, caso o resultado do julgamento seja pela cassação, ela sairá da prefeitura de cabeça erguida.

"A população sabe que eu sou totalmente inocente desse crime que fizeram comigo. Mas estou tranquila. E vamos lá: acusaram a Carmelita, foi aceita a acusação e ela vai ter que sair. Pois saio de cabeça erguida, da mesma maneira que entrei, pela porta da frente. Quem me colocou na prefeitura não foi um concurso, não foi um parente meu que me nomeou e nem um padrinho político. Foi a população que confiou a mim esse mandato", desabafou.

Hélio Isaías, marido de Carmelita, também é réu (Foto: Jailson Soares/PoliticaDinamica.com)

O julgamento de Carmelita está previsto para o dia 3 de março. Também é réu na ação o marido dela, deputado estadual Hélio Isaías, que pode ficar inelegível oito anos. Além do casal, três vereadores e o vice-prefeito podem ser cassados caso o Tribunal Regional Eleitoral do Piauí confirme decisão de 1ª instância. A acusação diz que Hélio, quando era secretário estadual de Defesa Civil, usou a estrutura da pasta para favorecer a campanha da esposa.

Em 2016, Carmelita derrotou o clã político da família Ferreira, destronando o grupo do poder em São Raimundo Nonato. Na época, ela venceu o então prefeito Avelar Ferreira, que tentava a reeleição. A diferença foi de apenas 2,14% dos votos. Inconformado com a derrota, Avelar moveu ação pedindo a cassação de Carmelita por abuso do poder político e econômico.

Comentários (0)

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Nome:
mensagem:
Notícias relacionadas
TERESINA CONFIRMA DUAS PRIMEIRAS MORTES POR COVID-19
TERESINA CONFIRMA DUAS PRIMEIRAS MORTES POR COVID-19
JUIZ DO TRE-PI AVALIA QUE ESTENDER MANDATOS É SAÍDA PERIGOSA
JUIZ DO TRE-PI AVALIA QUE ESTENDER MANDATOS É SAÍDA PERIGOSA
SESAPI CONFIRMA QUE PREFEITO MORREU DE COVID-19 NO PIAUÍ
SESAPI CONFIRMA QUE PREFEITO MORREU DE COVID-19 NO PIAUÍ
JULGAMENTO SERÁ POR VIDEOCONFERÊNCIA
JULGAMENTO SERÁ POR VIDEOCONFERÊNCIA