Coluna Gustavo Almeida Política Dinâmica
DE FASCISTA A PARCEIRO

EMPOLGADO COM AGENDA DE BOLSONARO NO PIAUÍ, SENADOR CIRO NOGUEIRA FINGE NÃO LEMBRAR QUE HÁ POUCO TEMPO O CHAMAVA DE FASCISTA

30/07/2020 10:19 - Atualizado em 30/07/2020 10:41

Antes um fascista, agora um parceiro (Fotos: Jailson Soares/PD | Antônio Cruz/AgBrasil)

O senador Ciro Nogueira (Progressistas) está feliz da vida nesta quinta-feira (30). Em São Raimundo Nonato e em Coronel José Dias, no Piauí, ele vai andar colado no presidente Jair Bolsonaro (Sem partido). O presidente cumpre agenda nos dois municípios piauienses.

Novo aliado do Planalto, Ciro disse esta semana que Bolsonaro tem sido um parceiro dele e do Piauí. A parceria acontece depois de Ciro ter apoiado a campanha de Fernando Haddad (PT) e dito, antes das eleições de 2018, que Bolsonaro era um fascista que não lhe atraía.

Bastou o tal “fascista” chegar ao poder para Ciro sentir uma atração danada por ele. 

Na agenda desta quinta-feira, Ciro será o único senador do Piauí a estar junto. Elmano Férrer (Podemos), aliado de Bolsonaro, não vai por ser do grupo de risco da Covid-19. Marcelo Castro (MDB) foi convidado, agradeceu o convite, mas também não vai temendo a pandemia. O governador Wellington Dias (PT) não recebeu convite e também não vai. 

Por lá só vai estar Ciro e aliados, a maioria do seu partido. O chefe do Centrão está radiante com a atração que agora sente pelo presidente, afinal, Bolsonaro agora é parceiro e lhe atrai.

Veja entrevista em que Ciro chamou Bolsonaro de fascista.

Gustavo Almeida

Gustavo Almeida

Jornalista.

Comente!

ANTERIOR

AO POLÍTICA DINÂMICA, MINHA GRATIDÃO!

PRÓXIMA

WELLINGTON DIZ QUE SOLTURA DE PRESOS NA PANDEMIA FEZ AUMENTAR VIOLÊNCIA