Coluna Gustavo Almeida Política Dinâmica
POSSE
DE CRISTINO CASTRO À PRESIDÊNCIA DO TJ-PI

DESEMBARGADOR SEBASTIÃO RIBEIRO MARTINS TOMA POSSE NA PRESIDÊNCIA DO TJ-PI E PROMETE ELEVAR PRODUTIVIDADE DA INSTITUIÇÃO

07/01/2019 13:50 - Atualizado em 07/01/2019 14:22

Sebastião discursa após ser empossado (Foto: Jailson Soares/PoliticaDinamica.com)

A nova diretoria do Tribunal de Justiça do Piauí (TJ-PI) tomou posse na manhã desta segunda-feira (7). Natural do pacato município de Cristino Castro, no sul do Estado, o desembargador Sebastião Ribeiro Martins assumiu a presidência e vai comandar o órgão pelos próximos dois anos. O evento foi bastante prestigiado e contou com a presença de diversas autoridades dos mais diferentes poderes, entre elas o governador do Piauí, Wellington Dias (PT).

Além do presidente Sebastião Ribeiro Martins, a nova diretoria do TJ-PI para o biênio 2019-2020 é composta pelos desembargadores Haroldo Rehem (vice-presidente), Hilo de Almeida Sousa (corregedor-geral da Justiça) e Oton Mário Lustosa (vice-corregedor geral da Justiça). Sebastião elencou como meta mais importante aumentar a produtividade do órgão.

"Eu elegi como minha principal meta aumentar a produtividade, porque não há nada pior do que o cidadão brasileiro que procura a Justiça e um processo dura dois, três, quatro anos. Então o nosso foco é aumentar a produtividade. Vamos também incentivar a conciliação e a mediação como meios alternativos de pacificação social. O Poder Judiciário tem a função de julgar e pacificar", disse o novo presidente minutos antes de ser empossado.

Erivam transmite o cargo para Sebastião (Foto: Jailson Soares/PoliticaDinamica.com)

Além de melhorar a produtividade, Sebastião prometeu fortalecer o combate a violência contra o mulher, principalmente os casos de feminicídio. O novo presidente classificou o Piauí como um estado machista e lembrou que em 2018 houve um grande número de mulheres assassinadas. Ele ressaltou que esse enfrentamento faz parte das metas do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e por isso o TJ-PI vai focar no tema e atuar em conjunto.

"Nós sabemos que no Piauí houve um aumento em 2018 no número de mulheres assassinadas. Então, uma das minhas metas, alinhada à meta de número 8 do Conselho Nacional de Justiça, é fortalecer essa rede de combate. Vamos julgar todos os processos que envolvam violência doméstica contra a mulher. Para isso, nós vamos fortalecer a Secretaria de Tecnologia da Informação e implantar o processo judicial eletrônico em todo o estado do Piauí. Até 2020 vamos abolir por completo o uso de papel na Justiça do Piauí", informou.

Mandato no TJ-PI é de dois anos (Foto: Jailson Soares/PoliticaDinamica.com)

Com a posse de Sebastião, deixa o cargo de presidente o desembargador Erivan Lopes.

Comentários (0)

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Nome:
mensagem:
Notícias relacionadas
NÃO SERIA BOM!
ELMANO NÃO QUER RENAN CALHEIROS
ELMANO NÃO QUER RENAN CALHEIROS
VEREADORES
CASAL NO PARLAMENTO
CASAL NO PARLAMENTO
CRÍTICA
FÁBIO SÉRVIO CHAMA WELLINGTON DE “CARA DE PAU”
FÁBIO SÉRVIO CHAMA WELLINGTON DE “CARA DE PAU”
OPINIÃO
QUANDO A CONTRADIÇÃO ENFRAQUECE A RENOVAÇÃO
QUANDO A CONTRADIÇÃO ENFRAQUECE A RENOVAÇÃO