Coluna Gustavo Almeida Política Dinâmica
BOLSONARO ANUNCIA SAÍDA DE REGINA DA CULTURA

SECRETÁRIA ESPECIAL DA CULTURA VINHA SOFRENDO FRITURA NO GOVERNO HÁ ALGUMAS SEMANAS E SERÁ SUBSTITUÍDA NO CARGO

20/05/2020 13:52 - Atualizado em 20/05/2020 14:06

Regina vai deixar secretaria após três meses no cargo (Foto: Isac Nóbrega/PR)

O presidente Jair Bolsonaro informou na manhã desta quarta-feira (20) que a secretária especial de Cultura, Regina Duarte, vai deixar o cargo atual para assumir a Cinemateca Brasileira, em São Paulo. Bolsonaro fez o anúncio em sua conta no Facebook. Ele publicou um vídeo ao lado da ex-atriz no Palácio da Alvorada, residência oficial da Presidência.

“Olha, pessoal, eu vim aqui perguntar ao presidente se ele está realmente me fritando, porque estou lendo isso numa imprensa, que eu não acredito mais, mas de qualquer forma queria que ele me dissesse pessoalmente. Está me fritando, presidente?”, questionou Regina no vídeo.

Bolsonaro respondeu negando a fritura que vinha sendo notória nas últimas semanas e culpou a mídia. “Regina, toda semana tem um ou dois ministros que, segundo a mídia, estão sendo fritados. O objetivo é sempre desestabilizar a gente e tentar jogar o governo no chão”.

Ao anunciar que vai tirar Regina da Secretaria Especial de Cultura, o presidente afirmou que a ex-atriz sente falta de sua família”, mas vai assumir a Cinemateca “para que possa continuar contribuindo com o governo e a cultura brasileira”. Regina estava há três meses no cargo. Ela rompeu um contrato de 50 anos com a TV Globo para se aventurar no governo.

Cotado para ser o novo secretário, o ator Mário Frias esteve na terça-feira (19) com Bolsonaro no Palácio do Planalto, no encontro com dirigentes de Flamengo e Vasco.

Comente!

ANTERIOR

PIABAS DO RABO SECO

PRÓXIMA

CONDENAÇÃO DE JOICE É ALENTO PARA A BOA POLÍTICA