Coluna Gustavo Almeida Política Dinâmica
MILITARES NA ELEIÇÃO EM TERESINA

DEZENAS DE MILITARES DISPUTAM ELEIÇÃO MUNICIPAL EM TERESINA E COLIGAÇÃO COM MAIOR NÚMERO DE POLICIAIS É A DE FÁBIO ABREU (PL)

13/10/2020 20:15 - Atualizado em 13/10/2020 20:58

Quartel do Comando Geral da Polícia Militar do Piauí (Foto: Divulgação/Governo do Estado)

O efetivo da Polícia Militar do Piauí já é reduzido e quando chega período de eleição diminui ainda mais. Isso porque muitos militares se afastam da função para disputar o pleito eleitoral. Nas eleições deste ano, são muitos os militares na disputa, uns da ativa e outros da reserva.

Conforme dados da Justiça Eleitoral, somente em Teresina pelo menos 30 candidatos declararam a atividade de policial militar como ocupação. São capitães, coronéis, majores, cabos, sargentos, subtenentes e tenentes na disputa por algum cargo eletivo.

Nesses 30 estão apenas os que declararam a atividade de “policial militar” como ocupação, mas a quantidade real de militares na eleição é um pouco maior. Isso porque alguns candidatos, apesar de serem da polícia ou oriundos dela, declararam ao TSE suas atuais ocupações. 

O capitão Fábio Abreu (PL), por exemplo, que disputa a prefeitura, declarou como ocupação o cargo de deputado e por isso não consta oficialmente como um "candidato militar"

Grande parte dos militares candidatos está na coligação de Fábio Abreu, militar e ex-secretário de Segurança Pública do Piauí (Foto: Jailson Soares/PoliticaDinamica.com)

Dos 30 que declararam atividade de policial militar como ocupação, a maioria usa a patente na campanha eleitoral e com ela vão aparecer na urna eletrônica quando forem votados. A coligação de Fábio Abreu — composta por PL, PTB, PMN e Republicanos — é a que possui a maior quantidade de militares na eleição em Teresina, com quase metade do total.

Ao todo, 28 candidatos usam a patente policial para serem reconhecidos na eleição. Desses, são 8 capitães, 6 sargentos, 5 majores, 4 coronéis, 3 cabos, 1 tenente e 1 subtenente.

Comente!

ANTERIOR

DEPUTADO JÚLIO CÉSAR VIRA “META ELEITORAL” EM CURRAL NOVO DO PIAUÍ

PRÓXIMA

JOÃO PEREIRA DEFENDE INCENTIVO NA CONTRATAÇÃO DE JOVENS PARA 1º EMPREGO