NOTÍCIAS

TROCA DE 'SOBRINHOS' DE DOUTOR PESSOA NA STRANS

APÓS FALTAR ÔNIBUS EM TERESINA NO DIA DA ELEIÇÃO E AMEAÇA DE MULTA PELO TSE, SOBRINHO DO PREFEITO DOUTOR PESSOA PEDE EXONERAÇÃO DA STRANS

04/10/2022 13:36

A Prefeitura de Teresina, sob a gestão do prefeito Doutor Pessoa (Republicanos), demonstrou que o problema do transporte público da capital parece estar longe de ser resolvido. No fim de semana, quando a Justiça Eleitoral determinou o aumento da circulação da frota de ônibus no domingo (03/10) das eleições, a própria Superintendência Municipal de Trânsito (Strans) informou que apesar de ter solicitado que 100% da frota circula-se, apenas 20% dos ônibus foram às ruas.

Após várias crises no transporte público ainda sem soluções, sobrinho de Doutor Pessoa pede exoneração da Superintendência da Strans (foto: PMT)

Já nessa segunda-feira (04/10) em meio a todo esse problema, o Superintendente da Strans, coronel Cláudio Pessoa, sobrinho do prefeito, pediu sua exoneração do cargo alegando “motivos pessoais de foro íntimo”. Para seu lugar, assumiu interinamente o diretor administrativo da Strans, Bruno Pessoa, que é também da família do prefeito Doutor Pessoa e chega ao comando da pasta herdando todos seus problemas.

Ainda no domingo, dia das eleições, o Procurado Regional Eleitoral (PGE), Marco Tulio Caminha, disse logo após o término do pleito eleitoral que o Tribunal Regional Eleitoral e o TSE vão aplicar multa ao SETUT e outros responsáveis pela não circulação da frota de ônibus da capital, conforme havia decidido a Justiça.

Durante a gestão de Cláudio Pessoa pouco se mudou no problemático transporte urbano da capital que enfrentou uma greve que durou quase 1 ano. Além disso, constantemente, há uma briga entre a Prefeitura e o Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros de Teresina (Setut) que reclama de atrasos nos pagamentos subsídios devidos pela Prefeitura para as empresas que operam o sistema. Por conta disso, a frota de ônibus da capital nunca voltou a ser a mesma de anos atrás, quando o Sistema já operava com dificuldades. Durante a gestão de Cláudio, foi realizada uma CPI do Transporte Público na Câmara de Vereadores, mas nenhuma das recomendações do relatório do CPI foi seguida pela gestão municipal.  

Vereadores da Câmara devem se reunir com o Prefeito para cobrar soluções para o transporte público na capital (foto: Jailson Soares/ PD)

O problema do transporte público da capital não foi tema da sessão desta terça-feira (05/10) na Câmara, mas foi um dos assuntos questionados pela imprensa para os vereadores logo após a sessão. O líder do prefeito na Câmara, vereador Antônio José Lira (Republicanos), disse que soube da mudança pela imprensa e que iria à Prefeitura se inteirar sobre a situação. “Estamos indo na Prefeitura para ter mais detalhes, mas com certeza o prefeito tem uma preocupação total para resolver esse problema do transporte público”, destacou Lira.

Já o presidente da Câmara, vereador Jeová Alencar, destacou que vai se reunir com o prefeito Doutor Pessoa para discutir o assunto. “Essa situação atribuo ao próprio sistema que já vem sucateado, sofrendo vários problemas, quero sentar com o prefeito amanhã para conversar sobre esse assunto. Já saiu o gestor, agora tem que se resolver. Se temos empresas que conseguem dar conta do serviço, vamos chamar essas empresas e tirar as sucateadas, mas não pode é permanecer do jeito que está”, afirmou Jeová.

Comente