NOTÍCIAS

PROTESTO CONTRA ELEIÇÃO INTERDITA BR NO PIAUÍ

PRF E PM NEGOCIAM LIBERAÇÃO DE PONTE E RODOVIA INTERDITADA POR MANIFESTANTES BOLSONARISTAS CONTRÁRIOS AO RESULTADO DAS ELEIÇÕES

01/11/2022 12:15

Caminhoneiros e manifestantes vestidos na maioria nas cores verde e amarelo interditam 271 pontos de rodovias federais em pelo menos 19 estados e o Distrito Federal, segundo levantamento da Polícia Rodoviária Federal (PRF). No Piauí, as manifestações ocorrem em dois pontos, sendo um na capital Teresina e na cidade de Bom Jesus, porém, apenas na capital há o bloqueio da rodovia.

Manifestantes contestam resultado das eleições que deram vitória para Lula (PT) (foto: Jailson Soares/ PD)

Na PRF, o bloqueio acontece desde ontem (31/10), chegou a ser paralisado durante a madrugada, mas voltou acontecer nas primeiras horas desta terça-feira (1ª/11). Apesar de não gravarem com a imprensa, os manifestantes relatam que são contra o resultado da votação do 2º turno das eleições, ocorrido nesse domingo (30/10), que deu vitória ao candidato Lula (PT) por maioria de mais dois milhões de votos. Os manifestantes, também, disseram aguardar um pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro (PL) que desde o resultado da eleição não se manifestou, acirrando ainda mais os ânimos de um país dividido politicamente.

Sobre os atos contrários ao resultado das eleições, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Alexandre de Morares, já determinou que a PRF o desbloqueio das rodovias. O presidente do TSE, também, já autorizou que Policiais Militares nos estados auxiliem a PRF nessas desobstruções. A decisão de Moraes, foi reforçada pelos outros ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) que formaram maioria a favor da decisão de Moraes, inclusive autorizando a Polícia Militar a agir não só nas rodovias estaduais, mas também na desobstrução de rodovias federais, cabendo aos governadores determinarem essas ações.  

PRF está acompanhando as manifestações, realizando negociação, mas ainda não há prazo para saída dos manifestantes da rodovia (foto: Jailson Soares/ PD)

No Piauí, o inspetor da PRF Leandro Caldas destacou para o Política Dinâmica que os agentes federais pediram o auxílio da Polícia Militar e negociam com os manifestantes para a liberação da via. “Já disponibilizamos 12 viaturas e temos 40 policias, aproximadamente, para fazer a liberação da via. O que a gente quer é que eles tenham o direito de manifestar deles, porém, também garantir o direito das pessoas de ir e vir.  Garantir esses dois direitos”, explicou Caldas.

O agente da PRF informou que ainda não há um prazo estipulado para os manifestantes desbloquearam a BR. “A gente tá entrando em negociação com os manifestantes para que se resolva isso de forma pacífica. Já pedimos o apoio da PM e da Justiça para concluir o mais rápido possível essa liberação da via. No Piauí temos dois pontos de protestos, mas de intervenção somente em Teresina, existe outro ponto de manifestação em Bom Jesus, mas lá a PRF já fez um acordo e eles não tão interditando nada, estão apenas fazendo manifestação. Ponto de interdição no Piauí só tem esse no km 0 da BR-316”, informou Leandro Caldas.

Ainda sobre o horário para liberação da rodovia, a PRF no Piauí informou que trabalha com negociações para fazer cumprir as determinações do Supremo. “Estamos trabalhando ao máximo para se fazer cumprir as determinações impostas. O trânsito as nossas equipes estão desviando na divisa do Piauí e Maranhão, fazendo desvios, agora estamos sem congestionamento neste trecho da BR, mas anoite chegamos a ter engarrafamento de 1 km. Aqui, estamos desviando os veículos para outras pontes, já que esse trecho da ponte da BR-316 está interditado”, afirmou Caldas.

Comente