PESSOA 32%, KLEBER 17%, ABREU 15% E NOVO 11%

INSTITUTO CREDIBILIDADE: NO ÚLTIMOS 15 DIAS PESSOA E ABREU CAÍRAM; KLEBER MONTEZUMA, FÁBIO NOVO E INDECISOS SUBIRAM

Marcos Melo Marcos Melo
09/10/2020 09:00 - Atualizado em 09/10/2020 10:17

Mudança de quadro na disputa pela prefeitura de Teresina. Em queda livre, Fábio Abreu (PL) agora está em 3º lugar. Kleber Montezuma (PSDB) assumiu a 2ª colocação e Fábio Novo (PT) já está com dois dígitos. Dr. Pessoa (MDB) continua liderando

A mais nova pesquisa do Instituto Credibilidade aponta novos números para as eleições na capital do Piauí. De acordo com o levantamento, Dr. Pessoa aparece com 32,30% das intenções de voto. Ou seja, ainda é grande a folga entre o candidato de Themístocles Filho, presidente da Assembleia Legislativa do Piauí, e o candidato da atual gestão da Prefeitura de Teresina, Kleber Montezuma, que pontua com 17,20%.

Apoiado pelo prefeito Firmino Filho, Montezuma passou o deputado Fábio Abreu, que agora não passa de 15,20% e é alcançado por Fábio Novo dentro da margem de erro. Mostrando que o PT tem história – e que o governador Wellington Dias tem um Fábio de sua preferência – o deputado Fábio Novo já alcança 11,10% das intenções de voto.

Esse é o “pelotão” mais destacado na pesquisa. A seguir vem Major Diego, com 2,10% das intenções de voto.

Dentre os menos conhecidos, a novidade atende pelo nome de Major Diego, candidato de posição conservadora que está desconstruindo a propaganda oficial da Segurança Pública que ajudava Fábio Abreu (foto: Instagram)

Veja o quadro completo:

MUDANÇA

Fábio Abreu mantém um ritmo de queda. Em agosto, ele tinha 21,12%; em setembro tombou para 18,25% e, sem passar de 15,20%, viu suas intenções de voto encolherem 5,92%.

Não tá bom para o ex-secretário de Segurança segundo a pesquisa Credibilidade (foto: Jailson Soares | PoliticaDinamica.com)

 Já o Dr. Pessoa tinha 31,78%, subiu para 33,75% em setembro e desceu para 32,30% neste momento. 

O candidato do presidente da Alepi caiu dentro da margem de erro e permanece em estabilidade (foto: Jailson Soares | PoliticaDinamica.com)

Nesse mesmo período, Fábio Novo saiu de 9,63% para alcançar 11,62% e, agora, tem 11,10%, mantendo estabilidade. 

Petistas votando em petistas: Novo está mostrando que seu partido sabe qual é o Fábio candidato de Wellington Dias (foto: Facebook)

Kleber Montezuma subiu de 14,25% para 15,12% e, agora, 17,20, subindo 2,95% de agosto para cá.

Aparecendo mais ao lado de Firmino Filho, Kleber Montezuma começa a reagir e mostrar a força do grupo nas pesquisas (foto: Facebook)

Anulariam o voto ou não votariam em nenhum dos candidatos apresentados 7,70% dos entrevistados. Não quiseram opinar ou não souberam responder 11,90%.

REJEIÇÃO

Dr. Pessoa passou de Fábio Abreu na rejeição. Quando o eleitor teve que escolher em quem não votar de jeito nenhum em setembro, Dr. Pessoa era rejeitado por apenas 6,00% dos entrevistados. Agora já são 10,70% aqueles que não votariam no candidato de Themístocles Filho. A rejeição a Fábio Abreu também cresceu, saindo de 8,25% em setembro para 10,50% de eleitores que não votariam nele de jeito nenhum agora. 

Kleber Montezuma e Fábio Novo também tiveram variação positiva. O tucano tinha 7,38% e agora tem 9,00% de rejeição. O petista tinha em setembro apenas 5,50% e agora soma 7,70%.

Veja o quadro completo!

Dados da Pesquisa

Número no TSE: PI-09518/2020
Número de entrevistados: 1.000.
Data de aferição: 27 a 30 de setembro de 2020.
Margem de erro admitida: 3,10%
Confiança: 95%.

Comente!

ANTERIOR

OPINAR: DR. PESSOA TEM 34%, KLEBER ATINGE 20%

PRÓXIMA

AMOSTRAGEM: DR. PESSOA 28,43%, KLEBER 23,14%