COVID-19: FLÁVIO JR. ENALTECE SERVIDORES E PEDE EXEMPLO A EMPRESÁRIOS

EM ARTIGO, DEPUTADO ESTADUAL CITOU EMPRESAS QUE AJUDAM NA LUTA CONTRA A COVID-19 E PEDE QUE SEUS EXEMPLOS SEJAM SEGUIDOS

06/04/2020 09:59 - Atualizado em 06/04/2020 13:12

O deputado estadual Flávio Nogueira Júnior (Foto: Jailson Soares/PoliticaDinamica.com)

São mais de 1 milhão de casos de Covid-19 ao redor do mundo, mais de 9 mil casos em nosso país e mais de vinte em nosso Estado e a pergunta sobre quando a doença atingirá seu pico no Brasil se torna cada vez mais comum. Segundo previsão feita pelo ,ministro da Saúde, Henrique Mandetta, a infecção pela doença deve disparar neste mês de abril.

Não podemos ser meros espectadores da situação. A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda principalmente lavar as mãos com água e sabão a todo instante, ficar em casa e usar álcool em gel. Ocorre que os cuidados vão além, pois não basta proteger a si mesmo, mas ajudar a sociedade como um todo, com especial atenção às pessoas mais frágeis, como os idosos, pessoas com doenças preexistentes, em situação de pobreza extrema, bem como as pessoas expostas assim como os profissionais de saúde. 

É hora de pensar nos outros de fato. É socialmente irresponsável dizer: “eu não vou mudar a minha vida por causa disso” ou “não faço parte de grupos de alto risco”. É responsabilidade de todos mudar este quadro. É necessário a conscientização para conter os estragos e as mortes eminentes. Sociedade, líderes de governos, empresários, movimentos sociais, líderes religiosos devemos ajudar a combater o coronavírus fazendo de tudo para as pessoas ficarem em casa e reduzirem assim o seu contato social. Podemos prevenir infecções, desacelerar as transmissões e salvar vidas.

Estamos enfrentando uma ameaça à saúde como nenhuma outra. O vírus se espalha, o perigo cresce e nossos sistemas de saúde, economias e vidas cotidianas são impactadas. Estamos vendo as consequências sociais e econômicas e é hora de nos unir, agir junto para diminuir a propagação do vírus, mas isso exigirá uma ação de todos, seja do Governo acelerando, impulsionando e ampliando ações no intuito de combate ao vírus, assim como implementando estratégias eficazes de contenção; aumentando a capacidade de oferecer testes e cuidados aos pacientes; mais hospitais, garantindo que tenham espaços, suprimentos e pessoal necessário; seja a sociedade, como um todo, seguindo as orientações médicas e os atos recomendados pelas autoridades de saúde.

A responsabilidade é de todos. Empresários, sabemos que além de ser uma crise de saúde pública, o vírus está infectando a economia global. Cadeias de suprimentos foram interrompidas, a demanda do consumidor caiu, mas a certeza é de que juntos podemos fazer o diferencial, ajudar no que pudermos a sociedade, o governo.

Parabenizo todos os profissionais de saúde que vestem suas camisas, seus jalecos, todos os dias e saem de casa para dar o seu melhor ajudando ao outro; todos os profissionais que não puderam parar pois fazem parte de um grupo seleto de atividades essenciais. 

Aos empresários que se colocaram no lugar do outro e fizeram a diferença, ajudando o poder público no combate ao coronavírus, como a multinacional  que doou 500 mil unidades de 500ml de álcool em gel para algumas capitais do país que foram escolhidas por registrarem o maior número de casos confirmados de Covid-19. Outra empresa fez a doação R$ 2 milhões de reais em equipamentos hospitalares para o Hospital Regional da Asa Norte (Hran), referência no tratamento contra a Covid-19. 

Foram doados ventiladores, monitores e bombas de infusão usadas da aplicação de medicamentos; o Grupo Arrey que disponibilizou seus hotéis em nosso Estado para, inclusive, abrigar os profissionais de saúde que estão na linha de frente ao combate à pandemia para que assim não precisem voltar as suas residências e correr o risco de transmitir o vírus aos seus familiares. Que outros empresários desse segmento sigam o exemplo nesse momento de dificuldade onde a união faz a diferença.

Sabemos que muitas empresas recebem benefícios e incentivos fiscais por parte do Governo e diante de todo o contexto social que atravessamos não poderíamos esperar outra atitude por parte dos empresários. Nenhum país, nenhum estado, nenhum município pode fazer tudo sozinho.

E que no Piauí não seja diferente. Que possamos juntos fazer o melhor para vencermos essa pandemia.

Flávio Nogueira Júnior
médico, deputado estadual e secretário de Turismo do estado do Piauí

Notícias relacionadas
"ACHO QUE ELE ESTÁ ME DISPENSANDO"
JUÍZA NÃO ACEITA RELATÓRIO E QUER EXAMES DE BOLSONARO
JUÍZA NÃO ACEITA RELATÓRIO E QUER EXAMES DE BOLSONARO
ANDRÉ MENDONÇA É O NOVO MINISTRO DA JUSTIÇA
ANDRÉ MENDONÇA É O NOVO MINISTRO DA JUSTIÇA
SÉRGIO MORO DEIXA O GOVERNO
SÉRGIO MORO DEIXA O GOVERNO