FECHADOS COM O BALEIA

Os emedebistas do Piauí estão fechados com o deputado federal Baleia Rossi (MDB-SP) na eleição do diretório nacional do partido. Tanto o senador Marcelo Castro, presidente regional da legenda, quanto o ex-ministro João Henrique Sousa estão na campanha do paulista para presidente nacional do partido. Baleia Rossi esteve no início deste mês em Teresina.


JOGADA DO ASSIS

A ida de Vanessa Tapety para o PT pegou de surpresa até mesmo membros notáveis da família Tapety, emedebistas de longas datas. Apesar disso, todos estão unidos. Foi uma jogada política arquitetada pelo deputado Assis Carvalho (PT). A intenção é atrair o governador para o palanque de Vanessa em Oeiras. Lá, ela vai enfrentar o prefeito Zé Raimundo, do Progressistas.


SÓ O LADO BOM

Nesse período de pandemia, Dr. Pessoa (MDB) anda sumido. Aparece vez ou outra quando posta matérias positivas sobre a Covid-19 em suas redes sociais. Bacana a iniciativa dele de focar no lado bom. Mas, se estivesse na condição de gestor, ele não poderia se dar ao luxo de ficar nessa zona de conforto. 


NEGÓCIO INTERESSANTE

Muitos bolsonaristas que glorificavam Sergio Moro agora passam a atacá-lo raivosamente e bradam contra o homem que viviam chamando de herói. Enquanto isso, se calam ao verem políticos com ficha corrida na Justiça entrando no governo. Não dizem um piu.


TIRANDO ONDA

A deputada federal Iracema Portella, cujo partido está entrando no governo Bolsonaro, parece ter gostado muito da saída de Sergio Moro do Min. da Justiça. Numa rede social, ela criticou Moro em tom irônico. Vale lembrar que a casa dela em Teresina já foi visitada algumas vezes pela Polícia Federal. 


O FOCO É OUTRO

O deputado estadual Evaldo Gomes e seu partido, o Solidariedade, vão marchar ao lado do PT nas eleições em Teresina. Evaldo quer indicar o vice, mas alega que não tem tratado do tema esses dias. O motivo, diz ele, é a pandemia do novo coronavírus. 


COISA SÉRIA

Depois de chamar o Covid-19 de "viruzim boiola", o prefeito de Parnaíba, Mão Santa, parece ter visto a gravidade do problema. Na cidade, ele baixou medidas para prevenir o contágio e disseminação da doença. Bateu a lucidez no prefeito.


RAPIDEZ

Tão logo soube do rompimento da ponte sobre o riacho dos Macacos, na rodovia entre Teresina e Palmeirais, o deputado federal Flávio Nogueira tratou de tomar providências. Contactou o governador e o diretor-geral do DER e solicitou ação do Governo no local. A intenção é dar solução rápida para o problema de tráfego na área. 


REFORÇANDO A REALIDADE

O governador Wellington Dias baixou decreto em que suspende o funcionamento das escolas estaduais devido à pandemia do Covid-19. A medida é salutar, mas, na realidade, já não estava tendo aula. Os professores estaduais estão em greve há quase 40 dias.


É DE COMER?

O ex-vereador Antônio José Lira faz crítica ao sistema de integração do transporte público de Teresina. Diz ele que boa parte do povo nem sabe o que são linhas alimentadoras e linhas troncais. Segundo Lira, muitos pensam que linha alimentadora é algo de comer e linha troncal é algo relacionado a tronco de árvore. 


SUGESTÃO DO MARQUETEIRO

O deputado federal Júlio César (PSD) justificou porque Georgiano Neto desistiu de ser candidato a prefeito de Teresina. Segundo Júlio, um marqueteiro sugeriu que o ideal era lançar uma candidata mulher, pois teria mais apelo popular. Além disso, os prefeitos do grupo não queriam Georgiano candidato na capital.  


FALTA DO QUE FAZER

O deputado federal Paes Landim classificou como "procrastinação e falta do que fazer" o pedido de suspeição do seu irmão no TRE-PI feito pela prefeita de São Raimundo, Carmelita Castro (PP). A gestora quer afastar o desembargador Francisco Antônio Paes Landim do julgamento que pode confirmar sua cassação. Ela acha que ele, por ser irmão do deputado, pode prejudicá-la.


FALAS ATABALHOADAS

O deputado federal Flávio Nogueira (PDT) enxerga êxitos na política econômica do governo Bolsonaro e cita que o aumento do desemprego no país foi estancado. No entanto, avalia que "declarações bobas e atabalhoadas" do ministro Paulo Guedes não contribuem em nada.


CAMPEÕES RENEGADOS

Agora virou moda. Candidatos bons de voto são renegados. Na eleição em Teresina, alguns vereadores acabam rejeitados em certos partidos pelo fato de serem campeões de voto. Nesse contexto, os fracos e medianos têm mais prestígio que os fortes. Tão inverso que nem parece a política. 


LIVRE DO ROBERT RIOS

O suplente João de Deus (PT) voltou à Assembleia Legislativa do Piauí. Ele tomou posse na segunda-feira (17) para sua quinta passagem pela casa. Pelo menos dessa vez não vai ter que aguentar o Robert Rios chamando ele de "nono suplente" a cada debate acalorado. #paz.


SAMARONE NO PSD

O vice-prefeito de Parnaíba, Marcos Samarone, está cada vez mais próximo do PSD. Se apresentando como pré-candidato a prefeito, ele tem dialogado com o deputado estadual Georgiano Neto. Segundo fontes do PSD, a filiação está praticamente acertada.


FELIZ E REALIZADO

O senador Marcelo Castro (MDB) disse que está realizado em sua carreira política e que se conseguir fazer um bom trabalho como senador, encerrará a vida pública muito feliz. Mas, no fundo, admite que seria uma honra um dia poder governar o estado do Piauí. 


FORÇA DOS TUPAMAROS

O grupo político da família Tapety, de Oeiras, se prepara para enfrentar o atual prefeito Zé Raimundo, representante dos "bocas pretas" e atual prefeito do município. A tarefa dos "tupamaros" na eleição deste ano é um tanto difícil, mas não pensem que os "bocas pretas" terão vida fácil na disputa. A família Tapety está pronta para mais uma batalha.


SEM DESCULPAS

Pronto! 2020 chegou e agora acabou a desculpa de alguns políticos de que só falariam de política no ano eleitoral. Com 2020 iniciado, se eles inventarem outra desculpa para não falar de política já será um bom parâmetro para o eleitor saber em quem não votar por descumprimento de promessa. Fiquem de olho.


MEXEU COM A CIDADE

A possível candidatura do deputado federal Paes Landim a prefeito de São Raimundo Nonato mexeu com o ambiente político do município. Landim já fez até o ex-prefeito Avelar Ferreira elogiar seu arquirrival Padre Herculano. Os dois ex-gestores travaram disputas históricas. Ambos tendem a apoiar a eventual candidatura de Paes Landim.


ENCONTRO NA CAPITAL

O médico Alexandre Mendonça se reuniu em um restaurante da capital com Pauliana Ribeiro de Amorim (PL), investigada na Operação Topique e pré-candidata a prefeita de São João do Piauí. Os dois discutem a formação de uma aliança de oposição no município. Alexandre perdeu a eleição em 2016 para o petista Gil Carlos.


NÃO ACREDITAM

Membros da cúpula municipal do PSDB não acreditam de maneira alguma que o ex-prefeito Sílvio Mendes seja candidato contra o prefeito Firmino Filho na capital. Para eles, a ida para uma candidatura de oposição cairia muito mal para a história do ex-gestor.


BÊNÇÃOS DO PASTOR

O PSC está decidido a lançar o jurista Valter Alencar como candidato a prefeito de Teresina. O presidente nacional da legenda, pastor Everaldo Pereira, garantiu que Valter vai para a disputa em 2020 e que ele poderá contar com total apoio do partido. A sigla também terá candidato a prefeito em Timon, no Maranhão. 


ATIVO NA POLÍTICA

O ex-vice-prefeito de São Julião, Francimar Pereira, que vai à Júri Popular pelo assassinato brutal do vereador Emídio Reis, segue ativo na política enquanto aguarda ser julgado pelo bárbaro crime. Recentemente, foi recebido pela deputada federal Margarete Coelho, que coordenou o grupo de trabalho do pacote anticrime na Câmara.


DO PSDB PARA O PT

Tem grupo político querendo trocar o PSDB pelo PT de Wellington Dias numa pequena cidade do Sul do Piauí. Décadas de tucanato estão prestes a ficar para trás. O motivo é simples: conseguir o apoio do governador para derrotar uma aliada de Ciro Nogueira em 2020. Indo para o PT, os tucanos esperam que a máquina do Governo usada contra eles em 2016 se torne a seu favor.


LAMAÇAL EM CENA

Com o início do período chuvoso, alguns trechos da rodovia Transcerrado, no Sul do Piauí, voltaram a virar um lamaçal. A situação gera muita dor de cabeça e causa prejuízos aos produtores da região. A falta de pavimentação da via é mais uma vergonha que o Governo do Estado adora passar.


REAÇÃO AO VÍDEO

O presidente da Câmara Municipal de Teresina, vereador Jeová Alencar, virou alvo de aliados do prefeito Firmino Filho (PSDB) na internet. Depois de gravar vídeo numa estação de ônibus mostrando falhas no sistema de integração, ele passou a ser atacado com montagens espalhadas em grupos de WhatsApp.


RODOVIA DA SOJA

O senador Elmano Férrer (Podemos) tratou esta semana das melhorias na BR-135 com o diretor-geral do Dnit, general Santos Filho. As obras serão inauguradas em dezembro. Ao todo, são 140 km da pista que foi alargada entre Bom Jesus e Eliseu Martins. A badalada estrada está deixando de ser rodovia "rodovia da morte" e se transformando em "rodovia da soja".


PRÉ-CANDIDATO

O médico Bruno Lopes é cotado para disputar a prefeitura do município de Caridade do Piauí, distante 465 km de Teresina. Embora nunca tenha disputado cargo eletivo, ele tem familiares com histórico político na região. O avô paterno foi prefeito do município de Simões por dois mandatos. Se realmente entrar na disputa, ele deverá concorrer com o atual prefeito Toninho (PSD).


COLADO EM WELLINGTON

Depois de voar do tucano, o deputado estadual Firmino Paulo (Progressistas) agora marca presença em quase todos os eventos do governador Wellington Dias (PT). está sempre lá, do ladinho, na condição de figurante. Distante do tio Firmino Filho, que o colocou na política, ele tenta mostrar que agora é um soldado fiel ao governador petista.


É CANDIDATO

O ex-prefeito Avelar Ferreira está disposto a disputar a prefeitura de São Raimundo Nonato em 2020. O político, que já foi prefeito do município três vezes, garante que tem chances reais de derrotar a atual prefeita Carmelita Castro (Progressistas). Nas eleições de 2016, Carmelita ganhou de Avelar numa acirrada disputa eleitoral. 


FIRMINICÍDIO

O presidente da Câmara de Teresina, vereador Jeová Alencar (PSDB), criou um novo termo para definir o risco que, na visão dele, alguns vereadores da base do prefeito Firmino Filho correm na tentativa de reeleição no grupo governista. Segundo Jeová, o prefeito não vai conseguir ajeitar todos os parlamentares de mandato e nem garantir a eles chances de vitória. Para Jeová, alguns colegas vão sofrer um "firminicídio" se buscarem a reeleição na base do prefeito.


AÇÕES DO VEÍN

O senador Elmano Férrer (Podemos) assegurou investimentos da ordem de R$ 65 milhões em obras de infraestrutura e mobilidade urbana de Teresina. Os recursos começaram a ser aplicados este ano nas obras do Contorno Rodoviário da capital, com a construção do viaduto do Mercado do Peixe. Em 2020, serão iniciados os viadutos rodoferroviários na altura do prolongamento da Avenida dos Ipês e a duplicação da BR-316, que liga Teresina a Demerval Lobão.


NÚCLEOS URBANOS

Em audiência pública nesta terça-feira (29/10), o vereador Aluísio Sampaio (PP) defendeu a criação de núcleos urbanos com a intenção de melhorar a infraestrutura no fornecimento e tratamento de água na zona rural de Teresina. Para ele, "não se pode ter precariedade no abastecimento de água e nem cobrança indevida". Segundo ele, com os núcleos urbanos será possível compreender as demandas e o acompanhamento de forma mais objetiva e clara.


RECONHECIMENTO

O advogado piauiense Luzemberg Dias dos Santos recebeu na quinta-feira (10/10) título de cidadão petrolinense. Natural de Dom Inocêncio, no semiárido do Piauí, Luzemberg construiu sólida carreira na cidade de Petrolina, em Pernambuco. O advogado é filho do ex-prefeito de Dom Inocêncio, Luiz da Benta (PSDB). Na cidade pernambucana, ele é professor de direito numa faculdade e procurador da Fazenda Municipal.


SÓ EM 2020

O governador Wellington Dias (PT) defende que o PT chegue a um consenso na escolha do nome que vai disputar a prefeitura de Teresina. Até agora a sigla tem três pré-candidatos e muito disse-me-disse entre correntes internas. Wellington garante que só vai trabalhar nesse assunto de eleição municipal em 2020. A grande verdade é que na hora que ele apontar um nome, todo o PT aceita. Quem manda é ele.


EM BUSCA DE PARTIDO

Muitas lideranças políticas de pequenas cidades do interior do Piauí estão buscando um novo partido para se filiar. Com o fim das coligações proporcionais nas eleições de 2020, dificilmente alguns vereadores vão se eleger em legendas que eles sempre foram considerados "donos" nos municípios. Ou atrai muita gente para o partido ou tem que sair para outro maior. Ou faz isso ou perde a eleição.


O DONO DO DISCURSO

Políticos da base aliada do prefeito Firmino Filho (PSDB) avaliam que o secretário municipal de Educação Kleber Montezuma seria o nome ideal para defender aquilo que é visto como maior legado da gestão tucana na capital: a educação. Seria ele o dono do discurso para 2020. O problema é que essas mesmas pessoas são receosas com o trato político de Montezuma, cujo temperamento é considerado forte. Fora isso, é visto como grande nome.


TEVE RECUOS

O PSD filiou sete prefeitos municipais no último dia 07 de outubro, mas esse número poderia ter sido maior. É que alguns gestores que estavam acertados com o partido recuaram e não devem mais se filiar. Entre os que voltaram atrás na decisão estão prefeitos do Progressistas e do PSB. É de se estranhar que algum prefeito tenha planejado sair do Progressistas de Ciro Nogueira nesse momento pujante da legenda, mas aconteceu. 


REFORMA NA APPM

A sede da Associação Piauiense de Municípios (APPM) deverá passar por uma reforma em breve. O assunto foi discutido no começo deste mês durante reunião do Conselho Diretor e Fiscal da entidade. Fundada em 1979 por Joaquim Mamede Lima, então prefeito de Campo Maior, a APPM já teve sede em outros três endereços na capital piauiense.


ZÉ LOPES NA DISPUTA

O ex-prefeito Zé Lopes vai tentar voltar à prefeitura de Simplício Mendes em 2020. A pré-candidatura dele já está posta. Zé Lopes é irmão do cantor e ex-deputado estadual Francis Lopes e deixou a prefeitura do município sertanejo em 2012. Liderança expressiva da região, ele vai disputar contra o candidato do atual prefeito Dr. Heli (PSD), outro líder de peso que já foi derrotado por Zé Lopes no passado.


SEM PROJETOS

Quando era presidente da Funasa, o piauiense Henrique Pires afirmava que o Piauí e os municípios piauienses perdiam muito dinheiro por falta de projetos. Hoje deputado estadual, Henrique diz que houve uma leve melhora, mas que ainda se perde muito pela simples falta de planejamento no Estado.


AH SE FOSSE O CEARÁ...

Henrique Pires lembra que em 2016 colocou R$ 16 milhões para um estudo de viabilidade técnica e econômica da tão falada adutora do Sertão. Passados 3 anos, ele diz que o estudo sequer foi licitado. “Se fosse no Ceará, isso já tinha sido estudado há muito tempo. Falta compromisso dos gestores. Está longe da gente chegar no nível do Ceará”.


MÃE PETISTA, FILHO TUCANO

O vereador Venâncio Cardoso ainda está no Progressistas, mas vai se filiar ao PSDB. O parlamentar é filho da deputada estadual Flora Izabel, do PT. Sobre essa situação, ele diz que não existe nenhum problema. Venâncio lembra que seu avô, pai de Flora, era do PFL e nunca houve problema na família. PFL, PT, PSDB e Progressistas. A família é a favor da diversidade.


DIA DOS PADRES

No domingo (4), foi comemorado o Dia dos Padres. No Piauí, é um padre que comanda a terceira maior cidade do Estado, Picos, a 306 km de Teresina. Se sobram motivos para celebrar o dia dos sacerdotes católicos, certamente também não faltam razões para lamentar o governo de Padre Walmir (PT) em Picos. Para a gestão do padre petista não tem como dizer amém.


PARA DERRUBAR O PREFEITO

A oposição na cidade de Corrente, no sul do Piauí, se articula para tentar derrotar o atual prefeito Murilo Ribeiro (PP). Um dos artífices do bloco oposicionista é o deputado estadual João Mádison (MDB). O emedebista está disposto a mover montanha para impedir a reeleição do gestor. A tarefa, no entanto, não será fácil. Conta a favor de Mádison o apoio do Palácio de Karnak nessa missão.


NINGUÉM FALA

Alguém aí ainda lembra do tal Aeroporto Internacional de São Raimundo Nonato? Hoje em dia, quase não se fala mais nesse elefante branco encravado no meio da caatinga. Após anos de muita badalação, o que se tem por lá é uma pista de pouso. Somente isso. O Piauí é tão acostumado com descasos em obras públicas que a maioria das pessoas desistiu até de falar.


NÓS E ELES, DE NOVO

A disputa política na cidade de Oeiras é bastante conhecida por ser uma das mais ferrenhas rivalidades do Piauí: Bocas Pretas contra Tupamaros. Em 2020, a sucessão municipal na primeira capital mais uma vez terá os dois grupos em destaque. Quem pergunta ao ex-deputado estadual Mauro Tapety, do grupo dos Tupamaros, como vai ser a disputa por lá, ouve dele a seguinte resposta: "Lá, é nós e eles de novo".


GENTE NOVA EM REGENERAÇÃO

O jovem médico Antônio José Ferreira Borges é uma das promessas no cenário político do município de Regeneração, a 146 km de Teresina. Recém-formado pela Universidade Federal do Piauí, de família humilde e egresso de escola pública, ele nunca abriu mão da simplicidade no trato com as pessoas. Antônio José não esconde a paixão pela política. Nas redes sociais, tem feito críticas à atual gestão em Regeneração. Em pouco tempo, o jovem médico deve ingressar na vida pública.


O CLÁSSICO

O ministro da Justiça Sérgio Moro chamou a final da Copa América entre Brasil e Peru de clássico da Lava Jato x Caso Odebrecht. No Twitter, Moro destacou que Brasil e Peru foram os dois países da América Latina que mais agiram, em processos criminais, contra a corrupção. Ele lembrou que houve intensa cooperação entre Brasil e Peru no enfrentamento a esse tipo de crime. O ministro lamentou que no futebol apenas uma das duas nações poderá ganhar o jogo.


RENÚNCIA NO SENADO

O polêmico senador de Goiás Jorge Kajuru estuda renunciar ao mandato. Em uma postagem no Twitter, ele disse que "está decidindo a renunciar". O jornalista e senador argumenta que o mandato parece não valer a pena, pois não há reconhecimento. Ele afirma que muitos gostam do malandro, do corrupto, do falso e do hipócrita. Na postagem, Kajuru informa que até esta segunda-feira (8) vai concluir se renuncia ou não ao mandato.


GUERRA DOS ALMOÇOS

A cidade de Dom Inocêncio estava de festejo na última semana. Todos os anos, no último dia, as festividades ganham uma atração à parte. Dois tradicionais almoços servidos por grupos políticos rivais: o do ex-prefeito Luiz da Benta (PSDB) e o da atual prefeita Virgínia (PP). As casas ficam 300 metros uma da outra. Tem sanfoneiro tocando, presença de deputados e muita movimentação. Sempre há a discussão sobre em qual dos dois tinha mais gente. É a chamada "guerra dos almoços".


HOMENAGEADO

O repórter fotográfico Jailson Soares, do Política Dinâmica e do jornal O Dia, foi homenageado com o prêmio Mérito Jornalístico na Câmara Municipal de Teresina. A homenagem ao profissional de imprensa foi concedida por indicação do vereador Samuel Silveira (PSDB). No Política Dinâmica há cinco anos, Jailson tem atuação reconhecida no fotojornalismo, com prêmios conquistados e fotos publicadas em veículos da imprensa nacional.


UM DIA NORMAL

A suplente de deputada Belê Medeiros (PP) reassumiu, na segunda-feira (17), o mandato na Assembleia. Foi a 2ª vez que ele assumiu o cargo em apenas 40 dias. Questionada se trouxe novamente a família e lideranças do seu grupo político para mais uma vez prestigiarem o ato, Belê sorriu e disse que não. "Não. Na verdade hoje a gente só volta a comparecer no plenário, não tem o ato formal de posse. Então é um dia normal de trabalho. Segue a vida sem muitos motivos para comemorar", falou.


COM O PRESIDENTE

O prefeito de Parnaíba, Mão Santa, esteve com o presidente Jair Bolsonaro (PSL) em Brasília na segunda-feira (17). Durante a pré-campanha para presidente da República, o piauiense teve seu nome cotado para ser candidato a vice do capitão. Acabou não sendo, apesar do desejo de Bolsonaro, mas ambos são bastante amigos. Os encontros entre eles sempre são cheios de risadas e brincadeiras. Hein, hein!


QUESTÃO DE MATEMÁTICA

Apesar do senador Ciro Nogueira afirmar que vai trabalhar para reaproximar Themístocles Filho (MDB) e Firmino Filho (PSDB), a tarefa não será fácil. Themístocles não descarta a possibilidade, mas avalia que será quase impossível estar no mesmo palanque do tucano. A explicação, segundo o emedebista, é questão de matemática. Ele garante que o MDB terá candidato próprio a prefeito e que Firmino também terá um candidato. Logo, os dois partidos não estarão no mesmo palanque.


CANDIDATO EM TERESINA

O suplente de deputado federal Mainha entende que o Progressistas deve ter candidato próprio a prefeito de Teresina em 2020. Na avaliação dele, ao invés de apoiar o nome escolhido por Firmino Filho (PSDB), como quer o senador Ciro Nogueira, o partido deveria lançar candidato. Mainha falou que a legenda tem bons nomes e citou Júlio Arcoverde e Washington Bonfim. Ele não citou Margarete, mas ao ser questionado se não acha que ela também é um bom nome, disse que sim.


COM MARCELO CASTRO

O deputado federal Paes Landim confirmou na segunda-feira (17) que seu destino será mesmo o MDB. Landim falou que está ao lado do senador Marcelo Castro, presidente estadual do MDB, e contou que teve aval da direção nacional do PTB para deixar o partido. Recentemente, ele assumiu o mandato na Câmara Federal na condição de suplente. É o nono mandato que Landim exerce no Congresso Nacional.


BANDEIRA DO PIAUÍ

O ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, recebeu na quinta (6) em Brasília o deputado federal piauiense Flávio Nogueira (PDT). Como gesto cordial, Canuto colocou uma bandeirinha do Piauí sobre a mesa, posicionada ao lado da bandeira do Brasil. O gesto é adotado por ele ao receber representantes dos Estados em seu gabinete. Se o parlamentar é da Bahia, ele recebe com a bandeira da Bahia. Se é do Piauí, recebe com a bandeira do Piauí. É assim com todos os Estados.


LIVRO LANÇADO

O tenente-coronel Nixon Frota lançou na sexta-feira (7) no Salão do Livro do Piauí (Salipi) um livro sobre os 100 anos do 25º Batalhão de Caçadores. Nixon comandou o 25 BC até o início de janeiro deste ano, quando deixou o posto e assumiu cargo no Ministério da Justiça, em Brasília. Considerado um militar "gente boa", ele tem seu nome cotado para disputar a Prefeitura de Teresina em 2020. Diversos partidos já fizeram convite ao coronel. Ele não descarta.


RUMO AO PDT

O vereador teresinense Enzo Samuel (PC do B) pode migrar para o PDT. Na manhã da sexta-feira (7), ele esteve no escritório do deputado federal e presidente do PDT Flávio Nogueira, na Zona Leste de Teresina. A conversa foi intermediada pelo vereador Evandro Hidd (PDT). Enzo chegou primeiro e aguardou Hidd para, juntos, adentrarem à sala do deputado federal. A tendência é que ele deixe a sigla comunista assim que a janela para transferências partidárias for aberta em 2020.


31 ANOS

Na última sexta-feira (7), o município de Dom Inocêncio, no semiárido do Piauí, completou 31 anos de emancipação política. Criada em 1988, a cidade já nasceu como referência na Educação e em ações de convivência com a seca, fruto do trabalho pioneiro desenvolvido pelo padre Manuel Lira Parente. Pe. Lira, como era conhecido, foi o 1º prefeito do município. Hoje, o brilho educacional nem de longe lembra o de outrora, mas Dom Inocêncio tem muita história de grandeza para contar.


ESTÁ DE PARABÉNS

O senador Ciro Nogueira está gostando das críticas que a deputada estadual Lucy Silveira vem fazendo contra o governo de Wellington Dias (PT). Segundo ele, estranho seria se Lucy não criticasse diante dos descasos, principalmente na saúde. Segundo o senador, a deputada progressista foi eleita com esse discurso, está de parabéns pela postura e tem que continuar assim. "Estranho se fosse o contrário. A Lucy tem um posicionamento e uma base política que exige isso dela", falou.


RECORDE AMEAÇADO

Atualmente, o prefeito de Itaueira, Quirino Avelino (PTB), é o recordista de mandatos no Piauí. Com 77 anos, ele está no sexto mandato de prefeito. Como foi reeleito em 2016, não poderá tentar o hepta e ainda corre o risco de ver outros prefeitos igualarem sua marca. É que se forem reeleitos no próximo ano, os prefeitos Jailson Pio, de São Félix do Piauí, Dó Bacelar, de Porto, e Luiz Menezes, de Piripiri, vão alcançar o sexto mandato nas suas cidades.


OPOSIÇÃO VAI PENAR

A oposição à prefeita Carmelita Castro em São Raimundo Nonato vai ter muito trabalho para impedir a reeleição da gestora. O tradicional clã dos Ferreiras, derrotado em 2016, não está em situação confortável. Carmelita, além de ter a prefeitura nas mãos, tem forte apoio do Governo do Estado, o marido deputado estadual e a irmã deputada federal. O grupo dos Ferreiras, pela primeira vez em 25 anos, nem representante na Assembleia tem. Para eles, não será fácil voltar ao poder em 2020.


QUE DIABO É ISSO, JONAS?

Durante solenidade na última segunda-feira (27) na APPM, o senador Elmano Férrer (Podemos) fez um discurso inflamado. Enquanto ele falava, o alarme de um carro disparava insistentemente no pátio atrás do auditório. Num determinado momento, Elmano perdeu a paciência: "O que diabo é isso, Jonas? É para eu parar de falar é?", questionou o senador se dirigindo ao presidente da entidade, o prefeito Jonas Moura (PSD).


ACABARAM-SE OS EVENTOS

Ao longo de 2017 e 2018, o auditório da APPM quase todo mês tinha um evento conhecido como "evento do senador Ciro Nogueira". Eram atos com ministros e autoridades da República, quase sempre para anunciar milhões e milhões para as prefeituras piauienses. Desde que 2019 começou, os famosos "eventos do Ciro" deixaram de existir. Parece que a fonte secou.


DE OLHO NA DELEGADA

O Solidariedade, partido presidido no Piauí pelo deputado estadual Evaldo Gomes, está tentando filiar a delegada Anamelka Cadena. As conversas estão em andamento e visam uma possível candidatura dela em 2020 na capital. Anamelka é uma celebridade não só na polícia, mas também nas redes sociais. A bela delegada tem mais de 150 mil seguidores no Instagram.


PREFEITO CASSADO

O juiz da 72ª Zona Eleitoral do Piauí, Ronaldo Paiva Nunes Marreiros, cassou o prefeito de Ribeira do Piauí, professor Arnaldo (PRTB). O vice dele também foi cassado. Eles são acusados de compra de votos nas eleições de 2016 em troca de telhas e passagens aéreas para eleitores. Como a decisão é de 1ª instância, os gestores permanecem nos cargos enquanto recorrem ao Tribunal Regional Eleitoral do Piauí.


DEPUTADO LETRADO

Um dos parlamentares do Piauí que têm se destacado na Câmara Federal é Flávio Nogueira (PDT). O deputado, aliás, se mostra muito interessado em participar dos debates e é ativo nas redes sociais. Uma das características de Nogueira é seu prazer pela leitura, pela história e por fatos marcantes da política brasileira. O pedetista piauiense é daqueles deputados que podemos chamar de letrado.


CADÊ O CRITÉRIO?

O deputado estadual Warton Lacerda (PT) tem uma crítica a fazer: ele lembra que o governador W. Dias (PT) disse ter prezado por nomes técnicos na formação da sua equipe para o 4º mandato. No entanto, Warton entende que esse critério passou longe na escolha de Clemilton Queiroz para a presidência da Fundespi. Clemilton foi indicado pelo deputado Oliveira Neto (PPS). A crítica de Warton pode fazer sentido, mas só está sendo feita porque ele queria fazer a indicação.


SEM CARGOS E TRANQUILO

O deputado estadual pastor Gessivaldo Isaías (PRB) está sem cargos no Governo do Estado. O que para a maioria dos seus colegas de parlamento seria motivo de grande insatisfação, para o religioso não é. Pelo menos é o que ele demonstra. O pastor garante que segue com o governador Wellington Dias (PT) mesmo sem ter ganhado espaços. Essa não é uma situação comum na política, mas ele deve estar falando a verdade, afinal, é um líder religioso e não ficaria bem mentir.


LUTO EM BONFIM

Morreu na segunda-feira (20) o ex-prefeito de Bonfim do Piauí, Lino Ribeiro. Ele foi o primeiro gestor da história do município, eleito em 1992 para seu 1º mandato. Antes, Lino já havia sido vereador por São Raimundo Nonato. Com a morte do político, a tradicional Festa do Vaqueiro de Bonfim, prevista para acontecer nos dias 25 e 26 deste mês, foi suspensa e uma nova data será definida pela Prefeitura do município.


NO KARNAK

O ex-prefeito de Simplício Mendes, Zé Lopes, estava na reunião do governador Wellington Dias (PT) na sexta-feira (10) com os deputados estaduais da base aliada. Zé Lopes é irmão do cantor e ex-deputado estadual Francis Lopes. Nas eleições de 2018, Francis estava na coligação do candidato a governador Dr. Pessoa, ou seja, oposição a W.Dias. Se votou ou não, aí é outra história. Mas a coligação era adversária.


TUCANO NO GOVERNO

O jovem líder empresarial Landerson Carvalho assumiu o cargo de superintendente de Desenvolvimento Econômico da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Tecnológico do Piauí (Sedet). É o segundo mais importante posto da pasta, atrás apenas do próprio cargo de secretário. Um detalhe: Landerson é do PSDB, tucano, e até onde se sabe, crítico do governo petista.


POR CIMA DE ALTOS

Ao discursar no dia de sua posse na Alepi, a simpática deputada Belê Medeiros (PP) lembrou que teve 20 mil votos apenas na região de Picos, mas que praticamente não teve votação fora dali, fato que a fez ficar como suplente. Belê disse que na próxima eleição terá que ir atrás de votos também na região Norte do PI. Warton Lacerda (PT), empossado no mesmo dia, reagiu: "Passe por cima de Altos". Todos riram.


OXENTE!

Quando falava sobre o critério do governador de não dar espaços no governo para lideranças municipais que não votaram nele, ainda que tenham votado em deputados da base, Júlio Arcoverde foi perguntado sobre como fica, então, a situação em Oeiras. "Oxente! Qual problema de Oeiras?", respondeu assustado. O prefeito Zé Raimundo (PP) tem boa sintonia com Luciano Nunes...


O LÍDER MAIOR VOTOU

Júlio foi enfático ao explicar que em Oeiras o líder maior dos Bocas Pretas, o ex-deputado federal B.Sá, votou no governador Wellington Dias e que basta ver a votação de cada candidato a governador no município para tirar a prova. No entanto, não foi tão enfático sobre o prefeito Zé Raimundo, que pertence ao grupo de B.Sá. Preferiu focar no líder maior.


SESAPI PEGA FOGO

Quando o assunto é a Secretaria de Saúde do Piauí, quase todo mundo lembra de fogo. Tudo que envolve a pasta fica bem quente. Na definição do novo secretariado do governador Wellington Dias (PT), é justamente a escolha do novo nome para a Sesapi que está "pegando fogo".


GOSTA DE UM VICE

O deputado estadual Henrique Pires (MDB) dá valor um vice-presidente. Foi grande apoiador de Michel Temer e esteve o tempo todo perto do emedebista no movimento que o levou ao Planalto. Agora, ergueu na Alepi uma faixa com afagos a Hamilton Mourão e críticas ao filósofo Olavo de Carvalho, amado pelo clã Bolsonaro. Henrique não é o Vasco, mas gosta de vice como ninguém. 


DESCASO GERAL

Em alguns municípios do Piauí, alunos de determinadas localidades rurais ainda não foram às aulas em 2019. O motivo? Falta de transporte escolar. O problema tem se tornado recorrente nos últimos anos. O governo gosta de passar vergonha.



VAI TER CANDIDATO

O PT vai ter candidato a prefeito de Teresina. Quando pela primeira vez deixou de fazer isso, sua bancada na Câmara Municipal encolheu. Agora com ex-deputados querendo essa sombra, não há dúvidas sobre a majoritária!


QUAL O CRITÉRIO?

Tem deputado estadual que estourou de voto e vai ficar sem o que quer no Governo do Estado. Tem deputado estadual que quase não entra e vai receber super estrutura de Wellington Dias. Qual é mesmo o critério de reconhecimento dos aliados?


FRIO NA BARRIGA

Você eleitor de deputado que votou em Wellington Dias ainda tem muito o que torcer. Tem deputado demais e secretaria de menos para distribuir. Ou seja: tem eleitor que sonhava com um DAS pra chamar de seu e vai ficar sem nadinha. 


FAKE NEWS

A oposição ao prefeito Firmino Filho -- segundo a deputada Teresa Brito -- está a  todo o vapor plantando fake news na imprensa. Até aí, nenhuma novidade na política. Lamentável, segundo ela, é jornalista ficar colhendo essa erva daninha da profissão. 


O VELHO MDB

O MDB só tem um foco hoje: cargos no governo. E um foco pro futuro: Marcelo Castro para governador. Se o Dr. Pessoa quiser o apoio do partido de verdade, tem que se viabilizar sozinho antes disso. Alguém lembra da última vez que deputados emedebistas se juntaram para encampar campanha pra prefeito em Teresina?


SEM PRESSA

Prefeitos e vereadores de todo o Piauí andam se adiantando na hora de anunciar filiações e desfiliações. Conselho: é bom ir com calma! Sem saber de fato quais são as regras para 2020, tem gente arranjando problema onde não tem hoje.
Quem tem tempo, não precisa ter pressa. 


EXPLICADO

Quem conhece o governador Wellington Dias sabe que ele não se morde por coisa pequena. A briga por uma praça -- aquela ao lado do Verdão -- não seria, então motivo para mandar sua tropa de choque confrontar a Prefeitura.
O que Wellington viu ali foi JVC e Firmino numa possível aliança que pode lhe custar a virtual vaga de senador em 2022.


ALGUMAS SUGESTÕES

Para as próximas pesquisas, seria muito bom começar a testar nomes de mais mulheres. Sugestões: a vice-governadora Regina Sousa, a primeira-dama Rejane Dias, a deputada estadual Teresa Britto, a jornalista Samantha Cavalca, a médica Adriana Sousa. 


ONDE ESTÃO ELAS?

Os bastidores da política em Teresina estão inundados de pesquisas eleitorais. Tem pra todo tipo de freguês. Mas estranhamente, até agora, ninguém se interessou em listar nomes de mulheres para concorrer ao cargo de prefeita em 2020.


TEM CONFUSÃO

Antes de começar a jogar o barro na parede na hora de dividir o primeiro escalão do governo, Wellington Dias (PT) deveria dizer logo aos aliados quais são as suas próprias cotas. Fábio Abreu na Segurança, por exemplo, definitivamente não é uma escolha democrática e interna do PR de Fábio Xavier. 


TUDO COMO ANTES

Até o momento, não há mudança alguma significativa no governo de Wellington Dias que indique economia. A divisão partidária dos cargos, os funcionários fantasmas e as malandragens administrativas continuam à todo o vapor.