Coluna Marcos Melo Política Dinâmica
NOVO GOVERNO DO PT
QUEM VAI MANDAR NA COMUNICAÇÃO?

ALVARO LUIS CARNEIRO, TRABULO JUNIOR E SAMANTHA CAVALCA SÃO COTADOS PARA ASSUMIR A MILIONÁRIA COMUNICAÇÃO DE WELLINGTON DIAS

27/11/2018 15:40 - Atualizado em 27/11/2018 15:58

Alvaro, Trabulo e Samantha: um dos três deve assumir a Comunicação do 4º mandato de Wellington Dias (fotos: Facebook)

O Piauí só vai conhecer, de fato, a nova cara do governo de Wellington Dias (PT) após a eleição da Assembleia, afinal, se nomear o governo antes, o petista pode frustar algumas expectativas e perder força de influenciar a disputa do Legislativo. Mas duas fontes ligadas ao governo adiantaram ao Política Dinâmica a provável mudança que deve acontecer na Comunicação do Estado.  

Inquestionavelmente, o jornalista Álvaro Luis é a figura de comunicação mais alinhada com Wellington Dias e o acompanha desde o seu primeiro governo (foto: facebook)

Se a Comunicação ficar na cota do PT, o nome é de Álvaro Luis Carneiro, hoje assessor especial do governador Wellington Dias. Em defesa de seu nome está principalmente a vice-governadora eleita, Regina Sousa. Na visão do partido, depois de tanto tempo de governo petista, chegou a vez de Álvaro ser prestigiado com o cargo. Conta a seu favor o alinhamento perfeito entre ele e o governador. “Eles se entendem só no olhar”, comenta uma das fontes.

"PT Raiz": petistas defendem o nome de Álvaro para não deixar a Comunicação atender a interesses que não sejam o do governador e de seu partido (foto: Facebook)

Álvaro é visto como alguém que conduziria a Comunicação inclusive na defesa partidária, um aspecto que une petistas em favor de seu nome. “O PT vai sofrer muitos ataques do governo federal e de adversários locais. A Comunicação tem que saber navegar nessa tormenta protegendo o partido do governador também”, explica. Carneiro tem bom trânsito com todos os veículos de comunicação alinhados com o governo e não gera desconfianças. 

“Quando alguém tratar com o Álvaro enquanto secretário, vai ter certeza de que ali é a palavra do governador. Hoje isso não existe”, pontua a fonte.

E SE FOR DO PP?

Se a cota ficar dentro do Progressistas, são dois os nomes cotados: o empresário Trabulo Júnior ou a jornalista Samantha Cavalca. A favor de Trabulo está a condução da campanha de reeleição do senador Ciro Nogueira, que em 6 meses saiu de sétimo colocado em pesquisas de intenção de voto para senador eleito com a maior votação destas eleições. Ele também já foi diretor do Jornal O DIA.

Trabulo é amigo pessoal de Ciro Nogueira e organizou e comandou a comunicação mais bem planejada das eleições de 2018 no Piauí; a atual comunicação de Wellington desconhece metas e trabalha apenas com "cotas" (foto: Marcos Melo | PoliticaDinamica.com)

“Foi um trabalho estabelecido com metas. Foi controlado e previsível. A Comunicação do governador, hoje, não sabe o que é isso. É tudo feito ‘na doida’”, frisou outra fonte. 

O argumento mais forte é o de que o governador gastou mais de R$ 120 milhões em 4 anos de gestão em comunicação, mas não conseguiu alcançar projeção nacional e ocupar espaços de maneira definitiva na mídia nacional. “O melhor momento de Wellington nesses 4 anos foi naquele comício de Lula, por uma questão de amizade do ex-presidente. A grande imprensa não tem Wellington como prioridade, apesar dele ser muito querido e influente dentro do PT”, complementou a fonte.

Tal qual no caso de Trabulo, conta a favor de Samantha Cavalca a confiança do senador Ciro Nogueira, principal aliado do petista no Piauí. Mas também a aproximação dela com vários outros políticos desde que foi trabalhar em Brasília. Um deles, por acaso, é o deputado federal Eduardo Bolsonaro, filho do presidente eleito, Jair Bolsonaro. E esse é um contato que um governo petista do Nordeste não pode desprezar. Tem ainda o fato de ser mulher, aumentando a participação feminina no governo.

Samantha teria uma visão melhor do jogo político em Brasília e tem proximidade com o governo federal eleito (foto: Facebook)

Além disso, ela teria uma visão atualizada de como funciona a comunicação e o jogo de informação em Brasília. “Wellington vai sair do governo para o cenário nacional em 2022. A visão agora tem que ser essa, nacional. O Piauí já conhece o governador, o elegeu 4 vezes em primeiro turno. Temos que levar o nome dele pra fora daqui agora”, aponta outra fonte.

O que não deve mudar pelo visto é o fato de que a Comunicação do Estado continuará a serviço da imagem pessoal e eleitoral do governador.


Comentários (121)

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Nome:
mensagem:
Notícias relacionadas
SÓ GASTA COM PROPAGANDA
O DESPERDÍCIO QUE MATA!
O DESPERDÍCIO QUE MATA!
ELEIÇÕES 2018 NA OAB-PI
GEÓRGIA E CELSO JUNTOS! E AGORA?
GEÓRGIA E CELSO JUNTOS! E AGORA?
NOVO GOVERNO DO PT
CHICO LUCAS NO GOVERNO
CHICO LUCAS NO GOVERNO
ORÇAMENTO 2019
ESCONDENDO O DINHEIRO
ESCONDENDO O DINHEIRO