Coluna Marcos Melo Política Dinâmica
NA LATA: SAMUEL X ABREU

VEREADOR DIZ QUE CANDIDATO DO GOVERNADOR WELLINGTON DIAS USA SEGURANÇA PÚBLICA PARA FAZER CAMPANHA E INSINUA QUE NEM O MINISTÉRIO PÚBLICO CONFIA EM FÁBIO

04/02/2020 15:41 - Atualizado em 04/02/2020 15:58

Samuel Silveira mostrou a Fábio Abreu que a candidatura de prefeito não é a mamata da campanha de deputado federal e colocou o secretário de Wellington Dias em seu devido lugar (foto: Marcos Melo | PoliticaDinamica.com)

Dizendo que vai ser candidato a prefeito de Teresina, o deputado Fábio Abreu (PL) foi à TV Meio Norte dar uma entrevista na qual criticou a criação da Secretaria Municipal de Segurança Pública. Não demorou a reação. O vereador Samuel Silveira -- secretário responsável pela Guarda Municipal de Teresina -- foi pra cima.

Abreu disse que o prefeito Firmino Filho (PSDB) passou a falar da criação dessa nova secretaria porque as pesquisas apontam: a Segurança Pública é, de fato, um dos maiores problemas na vida dos piauienses. Inclusive Fábio Abreu admitiu isso. Assim, na visão do secretário de Wellington Dias (PT), a proposta é eleitoreira.

Hoje foi a vez de Samuel Silveira falar do tema. E ele não fez voltas para disparar contra Abreu: “Quem faz muita política na Segurança é ele. A subsecretária é candidata a vereadora, não sei quantos outros integrantes da secretaria também são candidatos a vereador, pelo menos é o que se fala na cidade. E eu acho que ele guarda um receio com ele: justamente o comparativo: nossa Saúde é melhor que a do Estado; a Educação de Teresina é bem melhor que a Educação do Governo do Estado, e talvez o receio dele seja fazermos Segurança e também sermos bem melhores nisso”, declarou.

Veja o vídeo!


De fato, a Secretaria de Segurança do Piauí segue no rumo de despejar um número expressivo de candidatos a uma das cadeiras de vereador de Teresina. A subsecretária a que Samuel Silveira se referiu é a atual diretora de gestão interna Delegada Anamelka Cadena. Além dela, já são dados como candidatos certos o Cabo Mota, do RONE; o Major Audivan Nunes, coordenador da Força Tarefa (que coordenou a campanha de Fábio Abreu para deputado federal); e ainda o Major Alves e Daniel “Bombadinho” Andrade. Ou seja: todo o núcleo operacional de Fábio Abreu vai pra campanha.

Se a Segurança vai parar ou não, veremos a seguir, mas Samuel Silveira apontou um outro detalhe: se desse pra confiar de verdade na secretaria de Fábio Abreu, o Ministério Público não chamava a Polícia Rodoviária Federal para ajudar na operações, né?

Vai dar confusão...

Notícias relacionadas
FARRA SEM LICITAÇÃO
FARRA SEM LICITAÇÃO
PROJETO DO SENADO VAI MATAR GENTE
PROJETO DO SENADO VAI MATAR GENTE
BOLSONARO FOGE DAS EXPLICAÇÕES
BOLSONARO FOGE DAS EXPLICAÇÕES
4 MIL CASOS DE COVID-19 NO PIAUÍ
4 MIL CASOS DE COVID-19 NO PIAUÍ