Coluna Gustavo Almeida Política Dinâmica
EMPRÉSTIMO
WELLINGTON TENTA CONSERTAR FALA DE REJANE

GOVERNADOR DIZ QUE PRIMEIRA-DAMA NÃO FALOU QUE ESPERA DINHEIRO DO EMPRÉSTIMO PARA FAZER PAGAMENTO DO TRANSPORTE ESCOLAR

19/04/2018 12:35 - Atualizado em 20/04/2018 07:40

Governador tentou consertar fala de Rejane (Foto: Jailson Soares/PoliticaDinamica.com)

O governador Wellington Dias (PT) falou nesta quinta-feira (19) sobre a entrevista onde a primeira-dama Rejane Dias admite que espera a liberação de recursos do empréstimo da Caixa para pagar dívidas do transporte escolar, o que é proibido pelo contrato. A entrevista foi concedida na semana passada ao jornalista Edjalma Borges, em Brasília, e repercutida pelo Política Dinâmica esta semana. Apesar da gravação, Wellington nega que ela tenha admitido e diz que Rejane falou outra coisa.

"Não. Ela nunca falou isso. Ela disse que quando se trabalha o desequilíbrio financeiro, porque não é só o empréstimo, estão impedindo recursos da educação, estão impedindo... ou seja, é um deliberado trabalho para inviabilizar o estado. O que ela quis dizer foi isso. Na verdade quando a gente atinge todas as áreas do estado... você atinge todas as áreas. E lamentavelmente é o que eu estou vendo agora. Felizmente, acho que a lei vai prevalecer e vamos vencer", explicou.

RELEMBRE
Na entrevista, o jornalista Edjalma Borges questionou Rejane, que deixou a Secretaria de Educação no mês passado, sobre os atrasos no pagamento do transporte escolar, serviço que está parado em vários municípios. Ao responder, a petista mencionou que é importante a liberação do empréstimo, momento em que o jornalista, no meio da resposta, emendou: "E como está aí essa questão da liberação do empréstimo da Caixa?". A resposta foi a seguinte.

"Por isso essa questão do empréstimo é muito importante. A oposição tem batido muito no empréstimo, né? Mas o estado do Piauí precisa desse recurso. A gente não pode se dar ao luxo de tá perdendo recursos como esse. São poucos os estados do Brasil que têm condições de pedir empréstimo e um deles é o estado do Piauí. É exatamente pra quê? Pra sanar contas como essa, a questão do transporte escolar, as obras… Para também não paralisarem, e assim por diante", falou.

Comentários (0)

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Nome:
mensagem:
Notícias relacionadas
MAIOR LÍDER
CIRO DEFENDE RESPEITO À ESTRATÉGIA DO PT
CIRO DEFENDE RESPEITO À ESTRATÉGIA DO PT
TEM FÉ
SEM MEDO DE ESTRUTURA
SEM MEDO DE ESTRUTURA
EX-ALIADO
ALDO REBELO TORCE PARA LULA SER CANDIDATO
ALDO REBELO TORCE PARA LULA SER CANDIDATO
COMPRA DE LIDERANÇAS
UMA GRANDE MENTIRA
UMA GRANDE MENTIRA