Coluna Gustavo Almeida Política Dinâmica
SEM FOLIA

TEMENDO A PANDEMIA DO NOVO CORONAVÍRUS, FIRMINO FILHO SUGERE QUE O PRÓXIMO PREFEITO CANCELE A REALIZAÇÃO DO CORSO 2021

29/07/2020 10:43 - Atualizado em 29/07/2020 11:05

Para Firmino, não deve haver corso em 2021 (Foto: Jailson Soares/PoliticaDinamica.com)

O prefeito de Teresina Firmino Filho (PSDB) sugeriu nesta quarta-feira (29) que o próximo prefeito da capital cancele a realização do Corso 2021, previsto para fevereiro. Segundo o tucano, se até lá não houver uma vacina contra a covid-19, será uma "irresponsabilidade brutal" fazer a folia que normalmente reúne mais de 200 mil pessoas.

“Os preparativos do corso começam em novembro. É difícil imaginar o corso sem algum tipo de vacina. Colocar 200 mil pessoas juntas seria irresponsabilidade brutal. Ano que vem não sou mais prefeito e a competência será do próximo prefeito. Acho que a realização do corso sem uma vacina seria uma irresponsabilidade”, disse o tucano. 

ANTERIOR

EVALDO: “ESTAMOS PREPARADOS PARA ENFRENTAR A ESTRUTURA DO PP”

PRÓXIMA

DEPOIS DE QUATRO MESES