Coluna Gustavo Almeida Política Dinâmica
ENCONTRO
MARDEN E TERESA CALIBRAM OPOSIÇÃO PARA 2019

DEPUTADO TUCANO SE REUNIU COM A DEPUTADA ESTADUAL ELEITA PARA INICIAR A FORMAÇÃO DE UM BLOCO DE OPOSIÇÃO NA ASSEMBLEIA

22/10/2018 20:37 - Atualizado em 22/10/2018 20:47

Marden e Teresa farão oposição na Alepi (Foto: Divulgação/Assessoria Marden)

O deputado estadual Marden Menezes (PSDB) se reuniu nesta segunda-feira (22) com a vereadora de Teresina e deputada estadual eleita Teresa Britto (PV). A dupla faz parte dos quatro parlamentares que, até aqui, são considerados oposição ao governador Wellington Dias (PT) na Assembleia Legislativa a partir de fevereiro de 2019.

A reunião ocorreu no gabinete da vereadora, na Câmara Municipal de Teresina. Na pauta, a construção do bloco de oposição na Assembleia para a próxima legislatura. Conforme o deputado tucano, a conversa com a nova colega de parlamento foi bastante positiva.

"A conversa foi muito boa, franca, tranquila. Ela [Teresa Britto] reafirmou sua intenção de estar na oposição e tem o mesmo pensamento que a gente. Ela afirmou que não tem como apoiar um governo que não tem trazido bons resultados para a sociedade", disse Marden.

O parlamentar afirma que, apesar de pequena, a oposição ao governo estadual será forte e combativa, em favor da luta pelos direitos da população piauiense.

"Iniciamos esse processo de construção de um bloco para fazer uma oposição de alto nível, com responsabilidade, com estudo, com contundência e determinação. Esse foi o primeiro passo para esse objetivo. A tendência é que a gente possa fortalecer esse convívio na Assembleia com o início da próxima legislatura", pontuou.

Comentários (672)

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Nome:
mensagem:
Notícias relacionadas
NÃO SERIA BOM!
ELMANO NÃO QUER RENAN CALHEIROS
ELMANO NÃO QUER RENAN CALHEIROS
VEREADORES
CASAL NO PARLAMENTO
CASAL NO PARLAMENTO
CRÍTICA
FÁBIO SÉRVIO CHAMA WELLINGTON DE “CARA DE PAU”
FÁBIO SÉRVIO CHAMA WELLINGTON DE “CARA DE PAU”
OPINIÃO
QUANDO A CONTRADIÇÃO ENFRAQUECE A RENOVAÇÃO
QUANDO A CONTRADIÇÃO ENFRAQUECE A RENOVAÇÃO