Coluna Gustavo Almeida Política Dinâmica
ELEIÇÕES 2018
EMEDEBISTAS COBRAM AGILIDADE DO GOVERNADOR

DEPUTADOS DO MDB ESPERAM DECISÃO DE WELLINGTON DIAS SOBRE A FORMAÇÃO DA CHAPA PROPORCIONAL E QUEREM QUE ELE CONTRARIE O PT

09/05/2018 12:36 - Atualizado em 09/05/2018 14:55

João Mádison e Pablo Santos, ambos do MDB (Foto: Jailson Soares/PoliticaDinamica.com)

A indefinição sobre a montagem da chapa proporcional para as eleições deste ano tem causado instabilidade na base aliada do governador Wellington Dias. Enquanto o PT, partido do governador, sustenta que sairá sozinho numa chapa pura, outras siglas da base querem um chapão com todo mundo junto. O MDB é um dos mais interessados, pois sabe que não será fácil reeleger sua atual bancada se não tiver a força de outros partidos numa coligação.

O deputado estadual João Mádison (MDB) disse nesta quarta-feira (9) que o governador Wellington Dias é defensor da formação de um chapão com todos os partidos, diferente do que deseja a direção estadual do PT. Mádison, no entanto, reconhece que a tese de Wellington pode ser rejeitada e que se isso acontecer o MDB vai sentar para definir seu rumo com relação à disputa proporcional.

"Precisamos que o governador defina a proporcional. Ele defende que seja todo mundo coligado, uma coligação só, mas nós temos visto o Partido dos Trabalhadores dizendo que não aceita. Mas a gente precisa ouvir do governador. Quando ele nos disser que a tese dele não vai ser respeitada pelo partido dele, aí sim o MDB pode se reunir e tomar sua posição. Nesse momento está tudo entregue ao governador e vamos esperar", falou.

O MAIS RÁPIDO POSSÍVEL
O deputado estadual Pablo Santos (MDB) confirma que a indefinição causa instabilidade e cobra a formação de uma chapa única para a disputa de deputado. Ele entende que é um direito do deputado federal Assis Carvalho, presidente do PT, defender chapa pura, mas diz que o MDB aguarda um chamamento do governador Wellington Dias para decidir o assunto.

"Com certeza, não tenha dúvida disso [que a indefinição causa instabilidade], até porque cria um sentimento, uma instabilidade dentro da própria base. Então eu acho que o governador tem que agir o mais rápido possível para a gente poder definir os rumos do MDB na composição da chapa, tanto na majoritária como na proporcional", afirmou.

Comentários (0)

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Nome:
mensagem:
Notícias relacionadas
CRÍTICA
VEREADOR DIZ QUE FIRMINO DEU CALOTE EM MORADORES
VEREADOR DIZ QUE FIRMINO DEU CALOTE EM MORADORES
TOPIQUE
CPI DO TRANSPORTE ESCOLAR
CPI DO TRANSPORTE ESCOLAR
ATRITO
JEOVÁ DIZ QUE CÂMARA FOI EXCLUÍDA DE CELEBRAÇÕES
JEOVÁ DIZ QUE CÂMARA FOI EXCLUÍDA DE CELEBRAÇÕES
É DIFERENTE!
VOTAR NÃO É APOIAR
VOTAR NÃO É APOIAR